quarta-feira, 3 de agosto de 2016

Salvador recebe I Encontro Baiano de Mídia Livre

Cultura

O evento, que é apoiado pela Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (Secult), por meio da Fundação Cultural da Bahia (Funceb) e do Fundo de Cultura, pretende realizar um intercâmbio entre comunicadores, estudantes, produtores e pesquisadores do estado com agentes consolidados na mídia independente de todo o país, promovendo ações de formação em quatro painéis e dez oficinas com temas diversos relacionados à cultura, mídia, internet, ao audiovisual e à sustentabilidade na web.

Da Redação
foto - ilustração
Será realizado em Salvador, entre os dias 10 e 13 de agosto, na Biblioteca Central dos Barris, o I Encontro Baiano de Mídia Livre. O evento, que é apoiado pela Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (Secult), por meio da Fundação Cultural da Bahia (Funceb) e do Fundo de Cultura, pretende realizar um intercâmbio entre comunicadores, estudantes, produtores e pesquisadores do estado com agentes consolidados na mídia independente de todo o país, promovendo ações de formação em quatro painéis e dez oficinas com temas diversos relacionados à cultura, mídia, internet, ao audiovisual e à sustentabilidade na web. A inscrição é gratuita, porém limitada para 150 participantes, a fim de proporcionar conforto e qualidade das atividades.
Os temas das mesas vão desde o marco na aspiração de liberdade e igualdade no país, a Revolta dos Búzios, em 1798, deflagrada por pasquins nas ruas de Salvador, até questões ligadas à democracia na internet, sustentabilidade na web, cultura livre e audiovisual. Já as oficinas, com duração de quatro horas, servirão para compartilhar experiências e discorrer sobre utilização das redes sociais, mecanismos de sustentabilidade, negociação de direitos autorais, design, fotografia e construção de sites.
Durante o evento, também será lançada uma webserie sobre a relação da produção audiovisual com a internet no estado. A direção é do produtor cultural, André Araújo, em parceria com o Núcleo Audiovisual do Cult (Centro de Estudos Multidisciplinares em Cultura) da Universidade Federal da Bahia (Ufba). A webserie ficará disponível na plataforma online Bahia1798.
A iniciativa é um Ponto de Cultura do programa Cultura Viva e conta com apoio do Fundo de Cultura do Estado da Bahia, por meio dos editais de Culturas Digitais (2013) e Setorial Audiovisual (2014), da Secult. Também foi selecionada na categoria estadual do Prêmio de Mídia Livre (2015) do Ministério da Cultura (Minc).
Com informações da Secom Ba.  03/08/2016

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua visita,ajude-nos na divulgação desse Blog
Cidadania não é só um estado de "direito",é também um estado de "espírito"