sexta-feira, 16 de outubro de 2015

Projeto do Balé do TCA retorna ao Palacete das Artes nesta sexta-feira

Arte&Cultura

Para quem ainda não viu, ou deseja rever, a montagem retorna para mais dois finais de semana em cartaz, com entrada gratuita desta sexta-feira a domingo (16 a 18) e de 23 a 25, sempre das 17h30 às 20h. Durante a apresentação, o público é convidado a fazer uma imersão criativa e olhar a dança como obra de arte exposta num museu.

Da Redação
foto - ilustração
Depois do sucesso da estreia, no fim do mês de agosto, o Balé Teatro Castro Alves (BTCA) volta a ocupar o casarão do Palacete das Artes, localizado no bairro da Graça, em Salvador, com o seu mais novo projeto artístico - ‘Voyeur do Movimento: uma exposição de dança’, primeiro trabalho desenvolvido pelo BTCA sob a direção artística do coreógrafo Antrifo Sanches.
Para quem ainda não viu, ou deseja rever, a montagem retorna para mais dois finais de semana em cartaz, com entrada gratuita desta sexta-feira a domingo (16 a 18) e de 23 a 25, sempre das 17h30 às 20h. Durante a apresentação, o público é convidado a fazer uma imersão criativa e olhar a dança como obra de arte exposta num museu.
“Obra de arte que se ‘visita’, mas que se ‘movimenta’. Obra de arte viva – e efêmera – em um espaço outro, onde se misturam corpos, performances e coreografias”, explica Antrifo. Distribuídos em células cênicas espalhadas pelos espaços do casarão, os 16 bailarinos 'testam' o grau de domínio do espectador dos múltiplos códigos da atualidade e exploram sua interação com o mundo. “Impressionismo e Expressionismo como metáforas contemporâneas do movimento da Dança”, enfatiza o diretor.
As apresentações integram ainda o projeto #MusEuCurtoArte, resultado de uma parceria entre a Fundação Cultural (Funceb) e o Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (Ipac), unidades da Secretaria de Cultura do Estado (Secult), que mantém o Balé Teatro Castro Alves.
Com informações da Secom Ba.  - 16/10/2015

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua visita,ajude-nos na divulgação desse Blog
Cidadania não é só um estado de "direito",é também um estado de "espírito"