sábado, 25 de março de 2017

Passageiros do metrô do Rio já podem ir da Tijuca à Barra sem trocar de trem

Transportes sobre trilhos  🚇

De acordo com a concessionária que administra o transporte, o tempo da viagem foi reduzido em 10 minutos. O trajeto entre a Barra e o centro passa a ser feito em 30 minutos.Os intervalos entre os trens da Linha 4 serão reduzidos para quatro minutos e 30 segundos, nos horários de maior movimento de passageiros.

Flávia Villela
Repórter da Agência Brasil

foto - ilustração/arquivo
A partir de hoje (25), os passageiros do metrô no Rio de Janeiro poderão ir da Estação Uruguai, Linha 1 na Tijuca, zona norte, até a Estação Jardim Oceânico, na Barra, Linha 4, zona oeste, em meia hora, sem trocar de trem. Antes, os passageiros precisavam fazer a mudança de trens na Estação General Osório, Ipanema, zona sul, para ir para a Barra da Tijuca, zona oeste.
De acordo com a concessionária que administra o transporte, o tempo da viagem foi reduzido em 10 minutos. O trajeto entre a Barra e o centro passa a ser feito em 30 minutos.
O trajeto da Linha 4 vai da Estação Jardim Oceânico até a General Osório, enquanto a Linha 1 vai da General Osório até a Uruguai. A Linha 2 começa na Estação Botafogo, na zona sul, e vai até a Estação Pavuna, na zona norte.
Os intervalos entre os trens da Linha 4 serão reduzidos para quatro minutos e 30 segundos, nos horários de maior movimento de passageiros. Com a integração, os intervalos entre os trens foram reduzidos em dois minutos.
A Linha 4 do metrô iniciou sua operação durante os Jogos Olímpicos, exclusivamente para os participantes do evento, e foi aberta ao público de maneira ampla em setembro do ano passado com funcionamento de segunda a sexta-feira, das 6h às 21h. Em novembro, passou a operar aos sábados e, em dezembro, de segunda-feira a sábado, das 5h à meia-noite, e aos domingos e feriados, das 7h às 23h, tendo na Estação General Osório o ponto de transferência.
Fonte - Agência Brasil  25/03/2017

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua visita,ajude-nos na divulgação desse Blog
Cidadania não é só um estado de "direito",é também um estado de "espírito"