sexta-feira, 31 de março de 2017

Manifestações contra reforma da Previdência de Temer paralisam o Brasil

Política 👀

Protestos contra a reforma da Previdência e a terceirização aconteceram em 17 estados nesta sexta-feira (31). Principais cidades como Rio de Janeiro, São Paulo, Salvador e Recife tiveram as vias fechadas.

Sputnik
© REUTERS/ Nacho Doce
As manifestações também fazem uma convocatória para uma greve geral no país em resistência às medidas do governo de Michel Temer.
​Segundo os movimentos organizadores do ato no Rio de Janeiro, "a construção de uma greve geral nacional tem sido o tema de unidade entre os movimentos social e sindical que compõem as frentes Brasil Popular, Povo Sem Medo e Esquerda Socialista, diante das medidas tomadas pelo governo ilegítimo de Michel Temer (PMDB)".
​"Soma-se a isso o apoio de uma maioria de parlamentares na Câmara e no Senado que defende a aprovação de projetos que retiram direitos da classe trabalhadora. É por isso que no dia 31 de março ocorrerão atos em todo Brasil contra a terceirização e o desmonte da Previdência e pelo Fora Temer", diz a convocação do ato no Rio na página do Facebook.
Os protestos acontecem no mesmo dia em que uma pesquisa do Ibope mostrou mais uma queda significativa na popularidade de Michel Temer.
Fonte - Sputnik  31/03/2017

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua visita,ajude-nos na divulgação desse Blog
Cidadania não é só um estado de "direito",é também um estado de "espírito"