terça-feira, 21 de março de 2017

A presidente Michelle Bachelet inaugura novo serviço de trens de subúrbio em Santiago

Transportes sobre trilhos  🚄

A linha com 21 km segue para o sul saindo da estação Alameda, a principal da cidade, até Nos, passando por 10 estações em uma seção atualizada da linha principal até Rancagua.O serviço inicialmente está sendo operado com intervalos de saída a cada 20 minutos,entre 10h e 17h30, com duração total no tempo de viagem de 30 min.

Da Redação
foto - EFE
A presidente do Chile Michelle Bachelet,participou no dia 17 de março,da inauguração de um novo serviço de trens para o subúrbio de Santiago. A linha com 21 km segue para o sul saindo da estação Alameda, a principal da cidade, até Nos, passando por 10 estações em uma seção atualizada da linha principal até Rancagua.
O serviço inicialmente está sendo operado com intervalos de saída a cada 20 minutos,entre 10h e 17h30, com duração total no tempo de viagem de 30 min entre Alameda e nós. A partir de 31 de março o tempo cairá para 24 min,e a operação será estendida até as 23,00. O intervalo de tempo entre as viagens deverá ser reduzido para 8 min no horário de pico e 10 min no horário de vale. A partir de 12 de abril o intervalo de tempo entre as viagens no horário de pico será de 6 min, e a operação começara às 06h.O serviço é operado pela Estrada de ferro do estado (EFE).O novo serviço é integrado ao Transantiago pago com bilhete eletrônico.O preço do bilhete vai variar entre 740 e 610 pesos, dependendo do intervalo de tempo e funcionará com até duas integrações,assim como acontece hoje no Metro.
A operação do novo serviço é feita com uma frota de 12 unidades da Alstom X'trapolis elétricas, encomendadas em 2012. Cada composição com dois carros tem 46 m de comprimento e capacidade para 518 passageiros, incluindo 96 sentados. As composições,com corpo de alumínio,também podem operar acopladas em pares dobrando a sua capacidade de passageiros.
Com informações da EFE  21/03/2017

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua visita,ajude-nos na divulgação desse Blog
Cidadania não é só um estado de "direito",é também um estado de "espírito"