sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Estações e trens de João Pessoa são cenários do filme sobre Augusto dos Anjos

Arte&Cultura 🚃

Com uma produção e orçamento modestos, o filme conta a passagens da vida de Augusto dos Anjos. O trabalho é fruto de mais de um ano de pesquisa e nasceu a partir de uma peça teatral encenada por atores locais. Para seguir a risca,nada mais autêntico do que transformar estações e trens da CBTU João Pessoa em cenário de mais um filme que retrata a vida desse paraibano ilustre. 

CBTU
CBTU
Retratar a vida do poeta e escritor Augusto dos Anjos sem estação ferroviária, trens e fazendas é negar grande parte da história. Para seguir a risca, nada mais autêntico do que transformar estações e trens da CBTU João Pessoa em cenário de mais um filme que retrata a vida desse paraibano ilustre. Vestidos com roupas de época atores e atrizes incorporaram, na manhã desta sexta-feira, 25, personagens do universo de Augusto, na montagem do longa metragem “Alma Augusta”, que será exibido pela primeira vez no dia 17 de dezembro, às 20h, no Clube Atlético Sapeense, na cidade de Sapé, a 66 km de João Pessoa.
Com uma produção e orçamento modestos, o filme conta a passagens da vida de Augusto dos Anjos. O trabalho é fruto de mais de um ano de pesquisa e nasceu a partir de uma peça teatral encenada por atores locais. De acordo com o autor, produtor e diretor do filme, Josinaldo Ferreira, o filme conta com a participação de cerca de 50 pessoas, entre atores e equipe de filmagem e apoio, numa produção independente da Companhia de Produção Cênicas e Cinematográfica da Paraíba.
“Fizemos esse filme com um orçamento de baixa produção num investimento de cerca de R$ 10 mil. Um verdadeiro trabalho em equipe para vencer as dificuldades, mas graças a Deus estamos finalizando e espero que público goste”, afirma Ferreira. Ala Augusta tem 66 cenas e mais de 100 minutos de gravação e contou com a participação de atores e figurantes das cidades de Sapé, João Pessoa, Guarabira, Rio Tinto, Itabaiana e Bayeux.
Várias cenas foram gravadas nos trens da CBTU João Pessoa que também apoia a produção cinematográfica da Paraíba. Alma Augusta será exibida na Estação João Pessoa em data a ser definida pelos produtores. Destacam-se no filme os atores paraibanos Edilete Bezerra, Márcia Ferreira, Dayanny Gleycy, Alex Reis, Jacinto Morendo, Graça Alves, Juliana Faustino e Josinaldo Ferreira, no papel de Augusto dos Anjos.
Com informações da CBTU  25/11/2016

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua visita,ajude-nos na divulgação desse Blog
Cidadania não é só um estado de "direito",é também um estado de "espírito"