sábado, 17 de setembro de 2016

Ipac (Ba) inicia plantio de 250 árvores em museus e áreas públicas na terça-feira

Cultura/Ecologia

Os serviços começam com o plantio de 20 palmeiras imperiais no Passeio Público, localizado no Campo Grande, em Salvador, depois 30 mudas de bambu adulto para o Palacete das Artes, no bairro da Graça e 200 árvores frutíferas para o Parque Histórico Castro Alves, no município de Cabaceiras do Paraguaçu, localizado às margens do rio.

Da Redação
foto - Jefferson Vieira/Ascom IPAC
O Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (Ipac) vai iniciar, a partir da próxima terça-feira (20) o plantio de 250 mudas de árvores nos museus estaduais e áreas públicas sob sua responsabilidade. Os serviços começam com o plantio de 20 palmeiras imperiais no Passeio Público, localizado no Campo Grande, em Salvador, depois 30 mudas de bambu adulto para o Palacete das Artes, no bairro da Graça e 200 árvores frutíferas para o Parque Histórico Castro Alves, no município de Cabaceiras do Paraguaçu, localizado às margens do rio.
A iniciativa integra a programação da Primavera de Museus, evento nacional que acontece há dez anos, coordenado pelo Instituto Brasileiro de Museus do Ministério da Cultura, até o dia 25 de setembro, em todo o país. Na Bahia, as atividades seguem até o término da estação da primavera, em 21 de dezembro.
As 250 mudas de árvores da Primavera de Museus estão sendo viabilizadas através de parceria entre o Ipac, a Associação Baiana das Empresas de Base Florestal (Abaf) e a Caetá Ambiental. Mais informações no site do Ipac.
Com informações da Secom Ba.   17/09/2016

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua visita,ajude-nos na divulgação desse Blog
Cidadania não é só um estado de "direito",é também um estado de "espírito"