segunda-feira, 8 de agosto de 2016

Aeromóvel,um marco para o desenvolvimento de Canoas

Transportes sobre trilhos

A Cidade de Canoas promove, no dia 9 de agosto,o I Seminário da Cadeia Produtiva do Aeromóvel.O evento, promovido em parceria pela Prefeitura de Canoas, Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF) e a Aeromovel Brasil S.A., será realizado das 13h30 às 18h, no Salão Nobre da Câmara de Indústria, Comércio e Serviços de Canoas (CICS)

Luciene - Portogente
Portogente
Pensando na implantação do Sistema Aeromóvel de Canoas, cuja primeira etapa já avança na cidade, Canoas promove, na próxima terça-feira (9), o I Seminário da Cadeia Produtiva do Aeromóvel. O evento, promovido em parceria pela Prefeitura de Canoas, Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF) e a Aeromovel Brasil S.A., será realizado das 13h30 às 18h, no Salão Nobre da Câmara de Indústria, Comércio e Serviços de Canoas (CICS), na Rua Ipiranga, 95, 8º andar, no Centro.
Coordenado pelo prefeito de Canoas, Jairo Jorge, e pelo representante da CAF no Brasil, Victor Rico, o seminário tem como objetivo aproximar os atores envolvidos na implementação do Sistema Aeromóvel de Canoas, bem como criar espaço de reflexão e crítica. Estarão presentes os fornecedores de produtos e serviços relacionados com a tecnologia Aeromovel, operadores do transporte coletivo, instituições públicas envolvidas com o projeto e a equipe técnica do Município de Canoas.
Conforme o prefeito Jairo Jorge, a construção da via elevada da linha 1 é considerada um marco para a engenharia do Município, por sua complexidade e importância. O processo de elaboração dos projetos executivos e do edital de concorrência pública representaram um aprendizado para todos os envolvidos, pois não há referências prévias por tratar-se de um projeto inovador.

O Sistema Aeromóvel de Canoas
* 18 km de extensão * 27 estações * 12 mil passageiros/hora no pico e 82 mil passageiros/dia
* Linha Leste/Oeste: ligação dos Bairros Guajuviras e Mathias Velho, integrando com o trem metropolitano (Trensurb)
*Linha Norte/Centro: ligação do complexo Hospitalar e Educacional da ULBRA com o centro da cidade, integrando com a Linha Leste/Oeste na estação Farroupilha.

Primeiro trecho
O novo modal de transporte em Canoas, que ligará os bairros Mathias Velho e Guajuviras nesta primeira etapa, já começa a tomar forma no bairro Guajuviras. O primeiro trecho da Linha Leste/Oeste está em execução. São 4,7 km de traçado e 7 estações, com início na Estação Mathias Velho do Trensurb, seguindo no sentido leste em direção ao Bairro Guajuviras pela Avenida Boqueirão, finalizando na Avenida 17 de Abril até a Estação Brigada. O investimento neste trecho é de R$ 272 milhões do PAC Mobilidade Médias Cidades, com contrapartida municipal de R$ 15 milhões, dos quais parte integra o Programa Canoas para Todos.

Modelo para outros países
O Sistema Aeromóvel de Canoas tem despertado a atenção de várias cidades, não só do Rio Grande do Sul e do Brasil como de outros países. Canoas já recebeu comitivas de Rionegro (Colômbia), de Jacarta (Indonésia), onde querem expandir a linha existente, transformando-a em transporte de massa, da África do Sul e da cidade de Medellín (Colômbia).
O coordenador executivo do Sistema Aeromóvel de Canoas e secretário municipal da Fazenda, Marcos Bósio, já esteve em Lima, no Peru, e, recentemente, foi apresentar o modelo para as cidades serranas de Gramado e Canela. Campinas, Manaus e Curitiba também já conheceram o projeto. Em 2015, o prefeito Jairo Jorge e diretores da Aeromovel Brasil S.A. receberam especialistas da empresa JAI, de San Jose, na Califórnia (EUA), líder em soluções inovadoras em transporte, que conheceram detalhes do projeto de Canoas.
Fonte - Portogente  08/08/2016

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua visita,ajude-nos na divulgação desse Blog
Cidadania não é só um estado de "direito",é também um estado de "espírito"