quarta-feira, 20 de julho de 2016

Obras do Programa Mobilidade Salvador seguem em ritmo acelerado

Mobilidade

Assim como a nova Avenida Pinto de Aguiar, o trajeto é parte do Corredor Transversal I (Linha Azul), que ligará Patamares ao Subúrbio Ferroviário e terá, no total, 13 quilômetros de extensão.A obra consistiu na perfuração de uma parte da rocha, feita por uma perfuratriz hidráulica de origem finlandesa. Em seguida, os buracos feitos pela máquina foram carregados com explosivos e detonados.

Da Redação
foto - Alberto Coutinho/Gov.Ba
Foi finalizada nesta quarta-feira (20), na Avenida Suburbana, em Salvador, a escavação em rocha de um dos túneis que farão ligação com a Avenida Gal Costa, seguindo até o bairro do Lobato. Assim como a nova Avenida Pinto de Aguiar, o trajeto é parte do Corredor Transversal I (Linha Azul), que ligará Patamares ao Subúrbio Ferroviário e terá, no total, 13 quilômetros de extensão.
A obra consistiu na perfuração de uma parte da rocha, feita por uma perfuratriz hidráulica de origem finlandesa. Em seguida, os buracos feitos pela máquina foram carregados com explosivos e detonados. 

foto - Alberto Coutinho/Gov.Ba
O processo de detonações produz até 300 toneladas de pedras, retiradas do túnel por caminhões. Segundo o engenheiro responsável pela operação, Fabrício Vieira, a entrega dos túneis finalizados está prevista para o mês de outubro. “Esse tipo de rocha só nos permite avançar com segurança cerca de 2 metros a cada dez horas. Hoje finalizamos o primeiro túnel e vamos iniciar as obras do segundo, que devem ser finalizadas em cerca de 20 dias”.

Mais mobilidade
Outras obras do programa Mobilidade Salvador incluem a requalificação do trecho entre Pirajá e a Avenida Suburbana, além da construção de nove viadutos. A construção de ciclovias e a macrodrenagem dos rios Camarajipe e Pituaçu também integram o projeto.
Já com o Corredor Transversal II (Linha Vermelha), o objetivo é ligar a orla atlântica e a BR-324, por meio das avenidas Orlando Gomes, já entregue, e 29 de Março, em execução, passando pelo Parque Tecnológico, na Paralela, e a Via Regional, chegando até Águas Claras e totalizando 12 quilômetros de extensão. O projeto também inclui a construção de seis viadutos, cinco pontes e onze quilômetros de ciclovia.
Com informações da Secom Ba.  20/07/2016

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua visita,ajude-nos na divulgação desse Blog
Cidadania não é só um estado de "direito",é também um estado de "espírito"