quarta-feira, 25 de maio de 2016

Governo do Piauí avalia substituir o atual Metrô por VLT

Transportes sobre trilhos

O gerenciamento do sistema será feito através de uma Parceria Público-Privada (PPP). Os trabalhos serão feitos pela Superintendência de Parcerias e Concessões (Suparc).Segundo a superintendente do órgão, Viviane Moura, todo o sistema ferroviário da capital passará por uma modernização. 

Hérlon Moraes - Cidadeverde
Cidadeverde
O governo do Piauí já iniciou os estudos do projeto de implantação do Veículo Leve sobre Trilhos em Teresina, o VLT. O gerenciamento do sistema será feito através de uma Parceria Público-Privada (PPP). Os trabalhos serão feitos pela Superintendência de Parcerias e Concessões (Suparc).
Segundo a superintendente do órgão, Viviane Moura, todo o sistema ferroviário da capital passará por uma modernização. "Começamos estudar agora o VLT. Queremos estruturar as 4 linhas, já que a viabilidade econômica e financeira dele depende dessas 4 linhas funcionando", afirmou.
O estudo vai contemplar ainda a necessidade de integração do VLT com outros meios de transporte. Cerca de R$ 400 milhões serão investidos. "O Estado tem um recurso de quase R$ 440 milhões e que, para a implantação da linha 1, ainda vai precisar mais R$ 250 milhões, ou seja, precisa de investimento da iniciativa privada", explica.
Com a modernização, o atual metrô de Teresina deixará de existir. "O projeto é de modernização da linha existente. O metrô vai sair e vai entrar o VLT", destaca.
Com os estudos concluídos, o governo libera o VLT para licitação e escolha da empresa que vai gerenciar o sistema e construir a obra.
"Na PPP a gente vai licitar a obra, operação e manutenção do sistema, ou seja, vai entrar na licitação uma empresa que vai ser responsável pela construção - modernização e reforma -, além da entrega do VLT funcionando junto com a operação e manutenção", explica Viviane Moura.
Fonte - Cidadeverde  25/05/2016

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua visita,ajude-nos na divulgação desse Blog
Cidadania não é só um estado de "direito",é também um estado de "espírito"