quarta-feira, 4 de maio de 2016

Embasa corta ligações clandestinas de água em condomínio de alto padrão em Guarajuba

Notícias

No final de abril, equipes de campo encontraram ligações irregulares que estavam sendo utilizadas para abastecer o clube e área de convivência de um condomínio de alto padrão em Guarajuba, no município de Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador (RMS).Após a realização de testes que comprovaram a irregularidade, representantes da Embasa registraram boletim de ocorrência na 33ª Delegacia Territorial (DT) de Monto Gordo.

Da Redação
Ascom/Embasa
Os grandes consumidores de água estão entre os principais alvos das ações da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) de combate às ligações clandestinas em sua rede distribuidora e fraudes no consumo de água. No final de abril, equipes de campo encontraram ligações irregulares que estavam sendo utilizadas para abastecer o clube e área de convivência de um condomínio de alto padrão em Guarajuba, no município de Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador (RMS).
Após a realização de testes que comprovaram a irregularidade, representantes da Embasa registraram boletim de ocorrência na 33ª Delegacia Territorial (DT) de Monto Gordo. “Na ocasião, solicitamos a realização de perícia técnica a fim de levantar as evidências da fraude, para a fundamentação jurídica do processo que será aberto contra os responsáveis”, explica a gerente da unidade regional de Camaçari, Janaína Santos. Agora, a empresa está efetuando os cálculos para estimar a quantidade de água que foi desviada e definir a multa a ser aplicada ao empreendimento. A retirada das ligações irregulares foi feita na presença de perito da policia civil.
Qualquer intervenção no hidrômetro e na rede da Embasa com o propósito de furtar água é crime e o infrator está sujeito ao cumprimento das penalidades previstas na legislação vigente. O usuário que estiver nessa situação deve procurar um ponto de atendimento da Embasa e regularizar sua ligação, evitando problemas e corte no abastecimento do imóvel. Atualmente, a empresa conta com 40 equipes de campo somente nas unidades da capital e região metropolitana, responsáveis por mais de 200 verificações deste tipo todos os dias.
Com informações da Secom Ba.  04/05/2016

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua visita,ajude-nos na divulgação desse Blog
Cidadania não é só um estado de "direito",é também um estado de "espírito"