terça-feira, 22 de março de 2016

Novo viaduto na BR-324 vai desafogar o trânsito na região de Pirajá

Mobilidade

As obras integram o conjunto de intervenções realizadas pelo Governo do Estado, por meio da Companhia de Desenvolvimento Urbano (Conder), para implantação da Linha Azul (o corredor transversal à Avenida Paralela que liga a região de Patamares/Pituaçu ao bairro do Lobato).Estudos realizados na região revelam que nos momentos considerados de pico, mais de mil veículos devem trafegar a cada hora pelo local.

Da Redação
foto - Nilton Souza/Ascom-Conder
O trânsito na região do entorno da Estação Pirajá e da Estrada de Campinas, em Salvador, vai melhorar a partir da manhã de quinta-feira (24), quando será liberado um novo viaduto sobre a BR-324. O ato de entrega está marcado para as 8h30, com a participação do governador Rui Costa, que também vai inaugurar as duas alças de acesso.
As obras integram o conjunto de intervenções realizadas pelo Governo do Estado, por meio da Companhia de Desenvolvimento Urbano (Conder), para implantação da Linha Azul (o corredor transversal à Avenida Paralela que liga a região de Patamares/Pituaçu ao bairro do Lobato). 

foto - Nilton Souza/Ascom-Conder
Estudos realizados na região revelam que nos momentos considerados de pico, mais de mil veículos devem trafegar a cada hora pelo local. O novo viaduto possui extensão de 59 metros e as alças de acesso totalizam 690 metros. Uma das alças, no sentido São Caetano/Estação Pirajá, tem duas faixas de tráfego e a outra, no sentido BR-324/Pirajá, possui três faixas.
“As alças interligam a rodovia federal às demais vias existentes nas imediações da Estrada de Campinas de Pirajá e do acesso ao terminal/estação, beneficiando a integração ônibus x metrô e melhorando o trânsito sobremaneira”, explica o diretor de Obras Estruturantes da Conder, Sérgio Silva. O elevado foi construído ao lado do antigo viaduto que funcionava em sentido duplo e que agora passa a funcionar em sentido único (Estação Pirará x Estrada de Campinas).
O investimento realizado pelo Governo do Estado foi de R$ 7,8 milhões na execução dos serviços de implantação do elevado e das alças, incluindo os trabalhos de terraplanagem, drenagem, meio-fio e passeios, pavimentação asfáltica, instalação de semáforos, iluminação pública e urbanização da área.
Com informações da Secom Ba. 22/03/2016

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua visita,ajude-nos na divulgação desse Blog
Cidadania não é só um estado de "direito",é também um estado de "espírito"