terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

Ferrovia que passará por Três Lagoas (MS) será discutida nesta terça-feira

Ferrovias

De acordo com o Ministério dos Transportes, a audiência pública tem como objetivo apresentar a minuta de Edital e Contrato e os Estudos Técnicos necessários à subconcessão de trecho ferroviário compreendido entre os municípios de Ouro Verde de Goiás (GO) e Três Lagoas, incluído na segunda etapa do Programa de Investimentos em Logística – PIL, do governo federal.

Jornal do Povo -RF
foto - ilustração
O projeto de implantação do trecho da ferrovia Norte-Sul que passará por Três Lagoas será discutido nesta terça-feira, durante audiência pública a ser realizada no salão de eventos do Drud´s Hotel, a partir das 14h.
De acordo com o Ministério dos Transportes, a audiência pública tem como objetivo apresentar a minuta de Edital e Contrato e os Estudos Técnicos necessários à subconcessão de trecho ferroviário compreendido entre os municípios de Ouro Verde de Goiás (GO) e Três Lagoas, incluído na segunda etapa do Programa de Investimentos em Logística – PIL, do governo federal.
O trecho Ouro de Goiás (GO) – Estrela D’Oeste (SP) é a continuação da Ferrovia Norte-Sul nos estados de Goiás e São Paulo. O referido trecho está em fase final de construção pela VALEC - Engenharia, Construções e Ferrovias S.A. A chegada ao município de Estrela D’Oeste (SP) permitirá a conexão da Ferrovia Norte-Sul com a malha ferroviária existente concedida à ALL Malha Paulista S.A., possibilitando o acesso ao Porto de Santos, localizado no litoral do Estado de São Paulo.
O trecho ferroviário compreendido entre os municípios de Estrela D’Oeste e Três Lagoas atravessará a região que possui vocação agrícola e industrial, atendendo, inclusive a demanda das fábricas de celulose. A princípio, o ramal desta ferrovia não passaria por Três Lagoas, mas após análise e visando possibilidade de atender o escoamento da produção das indústrias, chegou-se à conclusão de que esse seria o melhor traçado. Pelo projeto inicial, o ramal passaria por Panorama (SP).
Ao todo, 33 municípios dos estados de Goiás, Minas Gerais, São Paulo e Mato Grosso do Sul, passando por Selvíria e Três Lagoas, serão contemplados com essa ferrovia, com extensão de cerca de mil quilômetros. Os investimentos previstos para sua construção têm valor aproximado de R$ 2,3 bilhões. O período da subconcessão é de 35 anos.
Após a realização dessas audiências públicas- marcada para o período de 19 de janeiro de 2016 a 19 de fevereiro deste ano- o Ministério dos Transportes vai publicar o edital de licitação para a contratação da empresa que executará a obra.
Fonte - Revista Ferroviária  01/02/2016 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua visita,ajude-nos na divulgação desse Blog
Cidadania não é só um estado de "direito",é também um estado de "espírito"