segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

Obras da Estação Pirajá do Metrô de Salvador estão em fase final

Transportes sobre trilhos

Ao lado do presidente da Companhia de Transportes do Estado da Bahia (CTB), Eduardo Copello, e do diretor de obras do grupo CCR Metrô Bahia, Juvêncio Terra, o secretário ressaltou a imponência da obra. “O que pudemos ver é um terminal metroviário com as obras concluídas e pronto para entrar em operação. Já no terminal de integração, as obras estão em ritmo avançado, o que comprova que estamos dentro do cronograma previsto.

Pregopontocom
Daniele Rodrigues/Sedur
Nesta segunda-feira (14), o secretário de Desenvolvimento Urbano do Estado, Carlos Martins, fez uma vistoria nas obras da Estação Pirajá, oitavo terminal da Linha 1 do metrô de Salvador. A estação, que está em fase final de construção, marca o término do projeto original do metrô de Salvador.
Ao lado do presidente da Companhia de Transportes do Estado da Bahia (CTB), Eduardo Copello, e do diretor de obras do grupo CCR Metrô Bahia, Juvêncio Terra, o secretário ressaltou a imponência da obra. “O que pudemos ver é um terminal metroviário com as obras concluídas e pronto para entrar em operação. Já no terminal de integração, as obras estão em ritmo avançado, o que comprova que estamos dentro do cronograma previsto. Podemos destacar também a força dessa obra, que é grandiosa. Em breve, teremos um complexo de referência em transporte, com segurança e qualidade para a população”, disse.
A Linha 1 já conta com as estações Lapa, Campo da Pólvora, Brotas, Bonocô, Acesso Norte, Retiro e Bom Juá. Também está em fase de projeto a construção do tramo 3 do metrô, que incluirá duas estação à Linha 1, levando o sistema até o bairro de Cajazeiras.
A área da estação Pirajá é de 6.185 m², com duas plataformas laterais. O terminal possui ainda escadas rolantes, elevadores, bicicletário e banheiros. O funcionamento do terminal marcará o início da operação comercial do modal, que será integrado aos ônibus metropolitanos e urbanos. A operação comercial se dará, inicialmente, entre as estações Lapa e Bom Juá, com a estação Pirajá funcionando em operação assistida e horário diferenciado.

Novos trens
Daniele Rodrigues/Sedur 

Além da estação, Martins visitou outras áreas do complexo, como a oficina de manutenção e lavagem dos trens, o Centro de Controle Operacional (CCO) das linhas 1 e 2 e o prédio administrativo. Na oficina, o secretário acompanhou alguns testes desenvolvidos nos dois novos trens, que devem entrar em operação na Linha 1 no começo de 2016.

Linha 2
As obras da Linha 2 seguem em ritmo acelerado, com diversas frentes de trabalho. Atualmente a linha 2 já tem sete quilômetros de obras em curso, com cinco estações em andamento (Acesso Norte, Detran, Rodoviária, Imbuí e CAB). No total, a Linha 2 terá 12 estações e 23 quilômetros de extensão.
Com informações da Secom Ba  14/12/2015

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua visita,ajude-nos na divulgação desse Blog
Cidadania não é só um estado de "direito",é também um estado de "espírito"