quinta-feira, 19 de novembro de 2015

Maria Fumaça desbrava a elegante Serra Gaúcha

Transportes sobre trilhos

Quando toca o sino, os passageiros entram no trem para começar o passeio de 23 quilômetros com duração média de duas horas e com direito a atrações típicas italianas e gaúchas. No caminho, montanhas, muito verde e passagem sobre pontes, campos floridos e muito mais.

Diário do Grande ABC
foto - ilustração
Terra de uvas, vinhos e chocolate e muitas belezas naturais, a Serra Gaúchas também tem carta na manga quando o assunto é viajar de trem. E por falar em vinho, o passeio, batizado Trem do Vinho, tem a própria bebida para recepcionar os turistas antes de embarcarem nos charmosos carros do trem, ainda na estação de Bento Gonçalves, ponto de partida do passeio.
Quando toca o sino, os passageiros entram no trem para começar passeio de 23 quilômetros com duração média de duas horas e com direito a atrações típicas italianas e gaúchas. No caminho, montanhas, muito verde e passagem sobre pontes, campos floridos e muito mais.
Ao chegar no destino, Garibaldi, os turistas desembarcam e podem desfrutar de espumantes feitos na região. Em seguida, o trem parte mais uma vez, mas agora o destino é Carlos Barbosa, onde serão recepcionados por show de música italiana.
As saídas são às 9h30 e às 14h, e os dias precisam ser consultados. Bilhetes custam de R$ 86 a R$ 89. Reservas e outras consultas podem ser feitas pelo site www.giordaniturismo.com.br e pelo e-mail mfumaca@giordaniturismo.com.br.
Fonte - ABIFER  19/11/2015

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua visita,ajude-nos na divulgação desse Blog
Cidadania não é só um estado de "direito",é também um estado de "espírito"