sábado, 4 de outubro de 2014

Dilma aparece com 46% das intenções de voto, Aécio tem 27% e Marina, 24% - Ibope

Eleições

Na pesquisa anterior, Dilma tinha 39%, Marina, 25%, e Aécio, 19% da preferência dos entrevistados.O levantamento divulgado há pouco foi encomendada pela Rede Globo e pelo jornal O Estado de S. Paulo.

Carolina Gonçalves 
Repórter da Agência Brasil

Na véspera do primeiro turno das eleições, a última pesquisa feita pelo Ibope antes do pleito mostra a candidata do PT à reeleição, Dilma Rousseff, com 46% das intenções de voto. O candidato Aécio Neves, do PSDB, aparece em segundo lugar, com 27%, seguido por Marina Silva (PSB), com 24%. Na pesquisa anterior, Dilma tinha 39%, Marina, 25%, e Aécio, 19% da preferência dos entrevistados.
O levantamento divulgado há pouco foi encomendada pela Rede Globo e pelo jornal O Estado de S. Paulo. Os candidatos do PSC, Pastor Everaldo, do PSOL, Luciana Genro, e do PV, Eduardo Jorge, tiveram, cada um, 1% das intenções de voto. Zé Maria, do PSTU; Eymael, do PSDC; Levy Fidelix, do PRTB; Mauro Iasi, do PCB; e Rui Costa Pimenta, do PCO, não alcançaram 1%. Os votos nulos ou brancos somam 7% e os indecisos, 5%.
Na simulação de um segundo turno, Dilma venceria qualquer dos dois candidatos, com 42% das intenções de votos contra 37% de Marina e Aécio.
Para a divulgação do resultado oficial, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) exclui os votos brancos e nulos. Nessa conta, Dilma tem 40% das intenções de voto, Aécio fica em segundo lugar, com 24%, e Marina Silva aparece em terceiro, com 21%.
O Ibope ouviu 3.010 eleitores entre os dias 2 e 4 de outubro. O nível de confiança da pesquisa é 95%, com margem de erro de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o número 1021/2014.
Fonte - Agência Brasil  04/10/2014

Rui e Souto estão empatados com 36%, diz Ibope

Eleições

Pesquisa IBOPE indica empate entre os candidatos ao governo da Bahia,Rui Costa e Paulo Souto

Marcos Venancio Lopes Machado - A Tarde

Pela primeira vez, a pesquisa Ibope para governador da Bahia traz os candidatos Paulo Souto (DEM) e Rui Costa (PT) aparecem empatados com 36%. Lídice da Mata, do PSB, aparece em terceiro, com 4%. Considerados os votos válidos, Rui e Souto têm 46%, cada.
Em uma simulação de segundo turno, persiste o empate, com 39% dos votos para cada.
Na disputa pelo Senado, Otto Alencar (PSD) aparece pela primeira vez à frente na disputa, com 33%, contra 31% de Geddel Vieira Lima (PMDB)
A pesquisa foi divulgada na noite deste sábado pela TV Bahia.
Fonte - A Tarde  04/10/2014

Parque São Bartolomeu é entregue após requalificação

Meio Ambiente

São 75 hectares de Mata Atlântica que receberam um investimento de R$ 93 milhões. De acordo com o governador, o parque será emendado com o Parque do Rio do Cobre,completando 450 hectares de Área de Proteção Ambiental (APA)

A Tarde
Da Redação
Parque recebeu um investimento de R$ 93 milhões
Elói Correia - GovBa
O Parque São Bartolomeu, no Subúrbio

Wagner entregou o novo Parque de São Bartolomeu
com banho de pipoca / 
Manu Dias - Divulgação Secom Bahia
Ferroviário de Salvador, foi entregue a população na manhã deste sábado, 4, após a conclusão da última etapa das obras de requalificação, urbanização e infraestrutura do local. As intervenções incluem o sistema de proteção do Parque, a urbanização das Praças de Oxum e de Eventos, o Centro de Referência e Módulos do Parque e foram entregues pelo governador Jaques Wagner.
São 75 hectares de Mata Atlântica que receberam um investimento de R$ 93 milhões. De acordo com o governador, o parque será emendado com o Parque do Rio do Cobre,
completando 450 hectares de Área de Proteção Ambiental (APA). Também foram entregues 120 escrituras de imóveis para as pessoas remanejadas de moradias irregulares e precárias, que eram localizadas no local.
As obras de requalificação do Parque São Bartolomeu foram realizadas pela Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Conder), empresa vinculada à Secretaria Estadual de Desenvolvimento Urbano (Sedur).
Fonte - A Tarde  04/10/2014

Excesso de ruídos de tráfego pode causar distúrbios no sono

Poluição sonora

O Mapeamento do Ruído Urbano e Seus Efeitos à Saúde da População, feito entre julho de 2013 e julho último, apontou que 75,6% dos entrevistados, moradores na região, consideram o próprio sono regular ou ruim, e 41,3% deles às vezes têm dificuldade para adormecer, enquanto 49,8% às vezes acordam durante a noite.

Aline Leal 
Repórter da Agência Brasil 
foto - Pregopontocom
Pesquisa da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia (SBF) revela que distúrbios do sono de moradores do bairro Pinheiros, na capital paulista, podem estar relacionados à poluição sonora decorrente do tráfego intenso de veículos nas redondezas. Os números da pesquisa serão apresentados no 22º Congresso Brasileiro de Fonoaudiologia, em Joinville (SC), de 8 a 11 deste mês.
O Mapeamento do Ruído Urbano e Seus Efeitos à Saúde da População, feito entre julho de 2013 e julho último, apontou que 75,6% dos entrevistados, moradores na região, consideram o próprio sono regular ou ruim, e 41,3% deles às vezes têm dificuldade para adormecer, enquanto 49,8% às vezes acordam durante a noite.
Nas áreas expostas ao tráfego rodoviário pesquisadas - Marginal Pinheiros, Avenida Rebouças, Rua Heitor Penteado, Avenida Brigadeiro Faria Lima e Rua Henrique Schaumann - os níveis de ruídos podem chegar a 85 decibéis (dB) - nível que torna o ambiente insalubre para o trabalho, de acordo com a legislação.
Os níveis de barulho de todas as áreas avaliadas são maiores que os limites estabelecidos pela Associação Brasileira de Normas Técnicas, que são 55 dB durante o dia e 50 dB à noite. Comparativamente, ruídos entre 50 dB e 55 dB equivalem a conviver diuturnamente em ambiente de escritório com máquinas de escrever.
A autora da pesquisa, fonoaudióloga Karina Mary Paiva, da SBF, diz que nem sempre as pessoas percebem os danos que os ruídos podem causar à saúde. “Mesmo que o ruído não incomode, temos uma alteração no organismo quando estamos expostos a ele. Muitas vezes as pessoas não associam, mas acordar durante a noite e tomar remédio para dormir pode estar relacionado a um excesso de ruídos”, ressalta.
Segundo a especialista, existem estudos na Europa que relacionam os ruídos causados pelo tráfego à maior incidência de hipertensão e infarto, e adianta que o mapeamento feito por ela, em São Paulo, é obrigatório em cidades europeias com mais de 195 mil habitantes, para que as autoridades possam planejar ações no sentido de diminuir a poluição sonora.
A pesquisa mostra ainda que 49,8% dos entrevistados se sentem incomodados ao exercerem atividades cotidianas como assistir à televisão, descansar, conversar e fazer tarefas que exijam concentração.
Foram avaliados 75 pontos, contabilizando 20 horas de medição. Em todos os pontos, os níveis de ruído ultrapassaram os limites de 55 dB. Para o estudo ainda foram feitas 225 entrevistas domiciliares. Segundo Karina, um dos motivos para a escolha do bairro foi a presença de residências, mesmo o bairro sendo comercial e de trânsito intenso.
Fonte - Agência Brasil  04/10/2014

Na véspera do primeiro turno, Dilma defende fim da discriminação contra mulheres

Política

“Nós estamos na etapa em que é necessário reforçar esse combate à discriminação, seja à mulher, seja ao negro, seja a homofobia, às diferentes orientações sexuais. É caso para o Brasil se mobilizar e lutar contra esses processos bárbaros que atentam contra a civilização”.

Danilo Macedo 
Enviado Especial da Agência Brasil/EBC 
foto - ilustração
No último dia de campanha política nas ruas para o primeiro turno, a candidata do PT à reeleição, Dilma Rousseff, percorreu ruas de Belo Horizonte e Porto Alegre. Em coletiva à imprensa na capital mineira, Dilma explicou as escolhas. “Vou aos dois estados aos quais – tanto Minas Gerais quanto Rio Grande do Sul – eu devo a minha formação pessoal e política.”
Com a voz rouca por causa de uma laringite, Dilma dedicou mais de dez minutos de fala às mulheres. De acordo com dados do Ibope divulgados quinta-feira (2), os eleitores indecisos são, em grande parte, mulheres das regiões Sul e Sudeste com idade acima de 45 anos e renda familiar entre dois e cinco salários mínimos.
Dilma destacou o interesse feminino pelo aperfeiçoamento profissional e o empreendedorismo das mulheres, e ressaltou o papel delas como chefes de família. “Acredito num Brasil com mais direitos, com mais reforço da autonomia das mulheres. Um Brasil sem discriminação”, disse Dilma, acrescentando que a violência contra a mulher é crime.
Segundo a candidata, a construção de um país democrático passa necessariamente pelo fim da discriminação. “Nós estamos na etapa em que é necessário reforçar esse combate à discriminação, seja à mulher, seja ao negro, seja a homofobia, às diferentes orientações sexuais. É caso para o Brasil se mobilizar e lutar contra esses processos bárbaros que atentam contra a civilização”.
Perguntada se tem preferência por enfrentar Aécio Neves (PSDB) no segundo turno, que também fez campanha hoje na região metropolitana de Belo Horizonte, Dilma disse que “quem tem preferência é o eleitor”. Após a coletiva, por volta das 11h, Dilma percorreu, em carro aberto, ao lado do candidato do PT ao governo de Minas Gerais, Fernando Pimentel, cerca de 1,5 quilômetro na Avenida Afonso Pena, a principal do centro da cidade. No final do percurso, com forte esquema de segurança, a candidata entrou em uma cafeteria, onde tomou um café, comeu pão de queijo, conversou com algumas pessoas e tirou fotos por 15 minutos.
Depois de cumprir agenda na capital mineira, Dilma viajou para Porto Alegre. Em seu último ato de campanha, a candidata participou de carreata com militantes na Rua General Lima e Silva, no bairro Cidade Baixa, na região central de Porto Alegre. Ela estava acompanhada do candidato à reeleição ao governo estadual, Tarso Genro, e do candidato ao Senado, Olívio Dutra. A carreata durou cerca de meia hora.
Segundo a assessoria da campanha, ela não tem mais compromissos oficiais hoje. Amanhã (5), Dilma vota na Escola Estadual Santos Dumont, na zona sul da capital gaúcha.
Fonte - Agência Brasil  04/10/2014

Governo quer contratar obras da segunda fase do VLT de Santos em 2015

Transportes sobre trilhos

Com entrega prevista para março de 2015, a Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU) estima que com o trecho inicial entre Barreiros (São Vicente) e a Conselheiro Nébias (Santos) de 11 km, pelo menos 33% das viagens na região sejam absorvidas pelo VLT.

A Tribuna On-line -Via Trolebus

O secretário de Transportes Metropolitanos do Estado, Jurandir Fernandes, disse durante o Seminário Mobilidade Urbana Sustentável da Baixada Santista, que ocorreu no ultimo dia 30 na Associação Comercial de Santos, que até o final do ano deverá ser realizada a pré-qualificação das empresas para a concorrência pública da segunda fase do VLT de Santos, que interligará o futuro terminal Conselheiro Nébias até a região central de Santos, no Valongo.
“No final de outubro vamos começar as audiências públicas, o que deve durar entre 45 e 60 dias. Nossa estimativa é lançar a pré-qualificação até o final do ano e a licitação no primeiro trimestre do ano que vem” disse o Secretário.

Readequação de sistema de transporte
Com entrega prevista para março de 2015, a Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU) estima que com o trecho inicial entre Barreiros (São Vicente) e a Conselheiro Nébias (Santos) de 11 km, pelo menos 33% das viagens na região sejam absorvidas pelo VLT.
A analise é do próprio presidente da EMTU, Joaquim Lopes, durante o Seminário: “No cenário mais conservador, o VLT sozinho, operando nesse trecho inicial, vai responder por apenas 33% das viagens. Nessa primeira fase, a gente ainda vai absorver passageiros das áreas lindeiras (vizinhas) do corredor”, explica o chefe da EMTU.
Inicialmente o VLT deve atender a uma demanda de 70 mil usuários por dia, com intervalo médio de 210 segundos entre os veículos (22 no total). A estimativa é que com a reestruturação das linhas intermunicipais e municipais, que aconteceria nos próximos anos, cerca de 220 mil usuários seriam beneficiados.
“Não podemos criar uma sensação de que o VLT vai ser uma solução para tudo. É um sistema novo, mas é só o começo. A gente ainda tem muita coisa para fazer”, completou o presidente da EMTU.
Fonte - STEFZS  04/10/2014

Alunos do Ciência sem Fronteiras são mesários voluntários nos Estados Unidos

Internacional

A eleição será conduzida pelo corpo diplomático brasileiro nas embaixadas e consulados, com ajuda dos funcionários locais e mesários voluntários, representantes da comunidade brasileira residente e estudantes do Programa Ciência sem Fronteiras.

Leandra Felipe
Correspondente da Agência Brasil/EBC 
Mesários passam por treinamento em Atlanta
Fotorrepórter Leandra Felipe
As eleições de amanhã (5) receberão votos em 96 países, que terão 919 urnas para atender aos quase 355 mil eleitores habilitados a votar para presidente. A eleição será conduzida pelo corpo diplomático brasileiro nas embaixadas e consulados, com ajuda dos funcionários locais e mesários voluntários, representantes da comunidade brasileira residente e estudantes do Programa Ciência sem Fronteiras.
Em Atlanta, o consulado terá 19 seções com 76 mesários. Do total, 65 são voluntários (85,53%). Hoje (4) eles participaram de uma reunião no consulado para receber informações sobre a votação e os procedimentos que terão de ser adotados durante as eleições. As seções eleitorais serão abertas às 8h, no horário local de verão (9h em Brasília).
O cônsul-geral do Brasil em Atlanta, Hermano Telles Ribeiro, disse à Agência Brasil que o consulado dedicou-se à tarefa de convocar os voluntários para compor as seções eleitorais. "A primeira previsão era quatro pessoas por seção, depois o número foi reduzido para três, em função da dificuldade que alguns postos estavam tendo para conseguir voluntários", contou.
Mas o Consulado de Atlanta, que congrega cinco estados do Sudeste norte-americano - Georgia, Alabama, Tennessee, Carolina do Sul e Mississipi - conseguiu a quantidade necessária. "O fator positivo dos mesários serem voluntários é que, estar aqui amanhã, é escolha deles. São pessoas que estão compromissadas com a política e a cidadania. Assim, trabalharemos em um ambiente favorável", conta.
Fabiana de Pietro vive em Atlanta há oito anos e atualmente é diretora executiva da Câmara Brasileira de Comércio. Grávida de seis meses, ela vai ser mesária voluntária. "Vou trabalhar amanhã, primeiro para ensinar um pouco de cidadania para esta pequerrucha que está na minha barriga", diz, sorrindo e acariciando a barriga, e completa que acha importante "participar e apoiar o Brasil neste momento cívico, do mesmo modo que já fazemos em outras situações, como consulado itinerante".
Estudantes do Programa Ciência sem Fronteiras são
mesários voluntários - Fotorrepórter Leandra Felipe
Os mesários voluntários também reúnem estudantes como Leonardo Farçoni, do Ciência sem Fronteiras. Ele veio de Bauru (SP) para estudar engenharia elétrica na Universidad Georgia Tech, e contou àAgência Brasil que reuniu os amigos para trabalharem como voluntários nas eleições. "O cônsul conversou conosco, porque nós temos uma associação aqui, e aí nós nos reunimos e viemos ajudar", disse.
Leonardo e mais seis amigos estudantes vão ser voluntários nas eleições. "É uma experiência nova pra gente, estamos no exterior e vamos ajudar neste momento importante das eleições. Estamos empolgados", comentou.
Fonte - Agência Brasil  04/10/2014

Metrô de Salvador alcança a marca de um milhão de embarques

Mobilidade

Na última quarta-feira (1º), o equipamento alcançou a marca de um milhão de embarques na capital baiana, segundo informações da CCR Metrô Bahia, empresa responsável pelo modal.

Secom
Foto: Carla Ornelas
Muitos soteropolitanos já incluíram o metrô de Salvador em sua rotina para reduzir o tempo de deslocamento na cidade. Prova disso é a grande procura pelo meio de transporte registrada nos primeiros quatro meses de funcionamento. Na última quarta-feira (1º), o equipamento alcançou a marca de um milhão de embarques na capital baiana, segundo informações da CCR Metrô Bahia, empresa responsável pelo modal.
Inaugurado pela presidente Dilma Rousseff e pelo governador Jaques Wagner no dia 11 de junho, a linha 1 do metrô já tem 7,3 quilômetros, ligando a Lapa ao Retiro. O serviço funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. A Linha 1 deve ser concluída em janeiro de 2015, quando chegará a Pirajá.
A previsão é de que todo o projeto do sistema metroviário fique pronto em abril de 2017. Nessa data, deverá ser entregue a Linha 2, que compreende o trecho entre o Detran e o Aeroporto Internacional de Salvador, passando pela Rodoviária, Pernambués, Imbuí, Centro Administrativo da Bahia (CAB), Pituaçu, Flamboyant e Mussurunga.

Domingo das eleições
Para facilitar o deslocamento dos eleitores para os locais de votação, neste domingo (5), o metrô vai funcionar sem cobrança de tarifa, das 7h30 às 17h30, com embarque e desembarque nas estações Retiro, Acesso Norte, Brotas, Campo da Pólvora e Lapa.

Mais informações pela Central de Atendimento da CCR Metrô Bahia, no telefone 0800 071 80 20.

Como chegar às estações:

Lapa:
Entrada pela Av. Vale do Tororó, s/n, ao lado do Terminal de Ônibus Lapa;

Campo da Pólvora:
Entrada pela Praça do Largo Campo da Pólvora, em Nazaré;

Brotas:
Entrada pela Av. Mario Leal Ferreira (Bonocô) ou pela Rua das Pitangueiras - Matatu de Brotas;

Acesso Norte:
Entrada pela Rua dos Rodoviários, s/n, antes de subir a ladeira do Cabula à direita, ou pela passarela do Shopping Bela Vista;

Retiro:
Entrada pela Rua Baixa de Santo Antônio, Retiro.
Fonte - Secom Ba  03/10/2014

sexta-feira, 3 de outubro de 2014

Produção de petróleo e gás bate recorde em agosto

Economia

De acordo com a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o volume é o maior já registrado, superando o do mês anterior, quando a produção de petróleo e gás natural totalizou 2,82 milhões de barris de óleo equivalente por dia.

Douglas Corrêa 
Repórter da Agência Brasil 
foto - ilustração
A produção total de petróleo e gás natural no Brasil no mês de agosto atingiu 2,89 milhões de barris de óleo equivalente (BOE) por dia, sendo 2,326 milhões de barris diários de petróleo e 90,9 milhões de metros cúbicos de gás natural. De acordo com a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o volume é o maior já registrado, superando o do mês anterior, quando a produção de petróleo e gás natural totalizou 2,82 milhões de barris de óleo equivalente por dia.
Segundo a ANP, a produção de petróleo também superou a marca de 2,267 milhões de barris por dia, alcançada no mês anterior. Houve aumento de 2,6% na produção de petróleo em relação a julho de 2014 e de 15,7% na comparação com agosto de 2013. A produção de gás natural superou em 3,4% a do mês anterior, de 87,9 milhões de metros cúbicos por dia e em 18,1% a de agosto de 2013.
A produção no pré-sal aumentou 11% em relação ao mês anterior, totalizando 647 mil barris de óleo equivalente por dia, sendo 533 mil barris diários de petróleo e 18,1 milhões de metros cúbicos de gás natural por dia. A produção teve origem em 35 poços, localizados nos campos de Baleia Azul, Baleia Franca, Jubarte, Barracuda, Caratinga, Linguado, Lula, Marlim Leste, Pampo, Sapinhoá, Trilha e nas áreas de Iara e Entorno de Iara.
O aproveitamento do gás natural no mês foi 95%. A queima de gás natural em agosto foi 4,549 milhões de metros cúbicos por dia, um aumento de aproximadamente 1% em relação ao mês anterior e de 38,5% em relação a agosto de 2013. Os principais motivos para o aumento da queima de gás natural foram os comissionamentos das plataformas P-55 e P-62, ambas localizadas no campo de Roncador.
Fonte - Agência Brasil  03/10/2014

Salvador ganha voo diário para Buenos Aires, em janeiro

Turismo

A Aerolíneas vai operar o voo durante todo o ano de 2015, e os bilhetes já estão sendo vendidos pela internet, com tarifa a partir de US$ 552, mais taxas e impostos.

Secom

A companhia Aerolíneas Argentinas confirmou para 3 de janeiro o início da operação de um voo direto para ligar, diariamente, a capital argentina, Buenos Aires, a Salvador. A confirmação foi anunciada ao secretário do Turismo da Bahia, Pedro Galvão, pelo diretor comercial da companhia aérea, Fabian Lombardo.
A Aerolíneas vai operar o voo durante todo o ano de 2015, e os bilhetes já estão sendo vendidos pela internet, com tarifa a partir de US$ 552, mais taxas e impostos. Em baixa temporada, o valor deve cair para US$ 455. A operação será feita em aeronaves Boeing 737-800, que comportam 170 passageiros. Com cerca de cinco horas e meia de trajeto, o voo terá embarque em Salvador, às 2h40. Já a vinda da Argentina, partindo do aeroporto internacional Ministro Juan Pistarini, tem chegada prevista em Salvador para à 1h40, todos os dias.
O secretário Pedro Galvão destacou a importância da nova frequência.A vinda desse voo diário é de grande relevância, pois trará, especialmente na alta temporada, maior número de argentinos para Salvador. De acordo com a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), a Argentina ocupa o primeiro lugar entre os países emissores de turistas para a Bahia, com mais de 105 mil visitantes por ano.
Fonte - Secom Ba  03/10/2014

Metrô de Salvador Funcionará das 7:30h às 17:30h no domingo (5) dia da eleição

Mobilidade

A população de Salvador poderá utilizar o Metrô da cidade para se deslocar neste domingo (5) dia da eleição

Da Redação
foto - pregopontocom
Para facilitar o deslocamento dos eleitores da cidade para os diversos locais de votação, o Metrô de Salvador estará funcionando neste domingo,das 7:30h até as 17:30 no percusso Lapa/Retiro com paradas para embarque e desembarque em todas as estações do sistema.Com essa medida os eleitores de Salvador terão uma opção melhor de transporte a disposição para se deslocarem até os locais de votação com conforto rapidez e segurança.
Para maiores informações os usuários poderão utilizar o serviço da Central de atendimento da CCR Metrô da Bahia pelo telefone gratuito 0800 071 80 20
Pregopontocom  03/10/2014

Novo "ferry" parece navio de cruzeiro

Salvador/Itaparica

O conforto e luxo encantaram os baianos - Conforto, segurança, acessibilidade para os deficientes com elevadores espelhados, luxo, sem falar na agilidade, são as características das novas embarcações....

Tamirys Machado - TB
Foto: Reginaldo Ipê
Parece que estamos em um Cruzeiro”, disse o comerciante Ednaldo Souza, ao entrar no FerryZumbi dos Palmares, inaugurado ontem pela manhã, pelo governo do Estado. A comparação do usuário tem fundamento.
Os novos ferries, que vieram da Grécia e passaram a integrar o sistema de transporte marítimo do estado, realmente se destacam dos demais.
Conforto, segurança, acessibilidade para os deficientes com elevadores espelhados, luxo, sem falar na agilidade, são as características das novas embarcações, batizadas como Dorival Caymmi (inaugurada na última quarta-feira) e o Zumbi dos Palmares.
A equipe de reportagem da Tribuna da Bahia fez a travessia Salvador-Itaparica e pôde acompanhar a qualidade do serviço dos barcos recém-inaugurados e a reação dos usuários. Na travessia inaugural o Zumbi transportou mais de 80 veículos.
A capacidade total é de 1400 pessoas e 208 veículos. Juntos as duas embarcações comportam 353 carros e quase 3 mil passageiros, porém nesse período de operação assistida, que dura três meses, a carga dos ferries será aumentada gradativamente.
O diretor executivo da Agerba, (Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia), disse que o objetivo da inauguração é solucionar o problema de filas, sobretudo nesse período do ano, e melhorar o serviço para a população. “Estamos proporcionando a população o que ela merece. Um serviço de qualidade, confortável e ágil. Além disso dobramos a capacidade de transporte de carros e ampliam em 75% o número de passageiros. Isso vai melhorar bastante a questão das filas, principalmente nesse período”, disse.
A viagem do Terminal de São Joaquim, na capital baiana, até Bom Despacho, na Ilha de Itaparica, durou 43 minutos, menos do que as embarcações antigas que duram em média 50 a 60 minutos. A usuária Juliana Uzeda, 20, veio para Salvador dar à luz a pequena Maria Clara, na volta para casa foi surpreendida com a nova embarcação.
“Vim para a maternidade ter minha filha, e agora voltando, soube que era a inauguração do Ferry. Achei excelente, bastante confortável, amplo, com ar condicionado. Ainda bem, porque estou com minha filha com dias de nascida e isso ajuda muito”, disse. Ela conta ainda a diferença deste para os outros que integram o sistema Ferry Boate. “Os outros antigos são abafados, banheiro sujo, o que não acontece com esse”, disse.
Tanto o Dorival como o Zumbi contam com dois níveis de vagas para carros, área para os passageiros com sofás com banco de couro, poltronas acolchoadas, mesas e cadeiras, televisores, ar-condicionado, elevadores espelhados para os deficientes físicos, banheiros, lanchonete, além da vista panorâmica da Baía de Todos os Santos e Ilha de Itaparica.
A entrega das embarcações veio em boa hora, principalmente para quem está aproveitando as eleições, neste domingo, para viajar e votar.
A professora Nilda Santos, trabalha e mora em Salvador, mas vota em Nazaré das Farinhas. Ela aproveitou a folga da escola onde trabalha, que será colégio eleitoral, e já viajou para ver a família e exercer o direito de cidadã, no domingo.
Nilda aprovou o novo ferry, “Ótimo, está perfeito. Vou para Nazaré duas vezes no mês e tinha que aturar embarcações desgastadas, sujas, às vezes sem banheiro. Para criança é horrível, e sempre vou com minha filha. Agora não, está bem melhor, espero que as pessoas tenham consciência e preservem”, afirmou. Ela disse ainda que é necessário ter fiscalização. “O que não é cobrado, não é feito, eles têm que fiscalizar para que os usuários não depredem”, ressaltou.
Oficial da Marinha, Matheus Zíbero, mora em Santa Catarina e estava indo a passeio para a ilha, aproveitar o final de semana. Na primeira vez que passeou de Ferry foi na inauguração do Ivete Sangalo, e agora, coincidentemente estava na primeira viagem do Zumbi dos Palmares. “Salvador está de parabéns! Excelente, estive na inauguração do Ivete, agora esse, uma mudança da água para o vinho. A colocação dos carros está boa, o ambiente para os passageiros também”, afirmou.
O vendedor da Associação dos Trabalhadores Autônomos do Sistema Ferry Boate, Jolinton Chagas, vende sorvete nas embarcações desde 2006 e destacou as melhorias. “É novo, menos tempo de viagem, a gente não fica enjoado porque quase não balança. Melhora as vendas já que atrai mais gente, então tudo isso nos deixa feliz. Fomos agraciados com esse projeto do governo do Estado”, disse.
As novas embarcações já estão a disposição da população baiana e o valor da passagem continua a mesma. Valor da tarifa para passageiro custa R$ 3,95 e nos sábados, domingos e feriados R$ 5,20.
Fonte - Tribuna da Bahia  03/10/2014

Falha no Salvador Card provoca bloqueio de cartões

Salvador

Durante o dia, centenas de pessoas se aglomeraram na sede do serviço, no Comércio, e outras dezenas no posto do Iguatemi para tentar solucionar o problema. - Clientes reclamam de falta de informações dos funcionários sobre o problema - Usuários do Salvador Card se aglomeraram nos postos de atendimento - Clientes reclamam de falta de informações dos funcionários sobre o problema 

Thaís Seixas - A Tarde
Michelle Lavinscki | Cidadão Repórter
"Atenção: cartão bloqueado". Esta é a mensagem que os usuários do Salvador Card estão recebendo nesta sexta-feira, 3, quando tentam utilizar o serviço. O Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de Salvador (Setps) informou em nota que o problema foi causado por uma falha operacional no sistema e que até a meia noite desta sexta estará "totalmente sanado".
Durante o dia, centenas de pessoas se aglomeraram na sede do serviço, no Comércio, e outras dezenas no posto do Iguatemi para tentar solucionar o problema. O Portal A TARDE recebeu inúmeras reclamações dos clientes sobre o atendimento nos postos e a falta de informações dos funcionários sobre as causas da falha.
"Os funcionários não sabem o que está acontecendo, mesmo com centenas de pessoas reclamando. Elas apenas preenchem um formulário e saem de lá com um protocolo de atendimento, mas isso não resolve o problema", denuncia a estudante de mestrado da Ufba Juscilene Maranhão, que soube da confusão por meio de colegas que tentavam atendimento no Iguatemi.
No Comércio, todos os tipos de usuários - dos cartões estudante, empresa e avulso - apresentaram problemas com o serviço. Uma das pessoas prejudicadas foi a atendente de telemarketing Laudiceia Souza, que só conseguiu chegar ao trabalho após "traseirar" no veículo, com o aval do cobrador.
"A explicação dos funcionários do Salvador Card é que a máquina do ônibus é que estava quebrada e eles não podiam fazer nada. Mas disseram que iam revalidar o cartão a partir de amanhã e, na segunda-feira, a gente deveria voltar lá para conseguir o crédito de novo", explica Laudiceia.
Além dos atrasos nas escolas, faculdades e locais de trabalho, o problema causou também outros tipos de prejuízos para quem usa o serviço. O estudante de psicologia da Universidade do Estado da Bahia (Uneb) Armando dos Santos perdeu metade da programação de um seminário importante para sua formação acadêmica.
"Quando entrei no ônibus fui surpreendido pela mensagem. Achei que fosse problema com a máquina, por isso desci e peguei outro transporte, mas aconteceu a mesma coisa. Fui ao Iguatemi e achei uma falta de respeito, porque revalidei meu cartão muito antes do prazo expirar e eles só dizem que houve um problema no sistema. Além disso, o Salvador Card é incomunicável, não há um número de telefone disponível no site oficial", revela o estudante.
Em nota, o Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de Salvador (Setps) informou que o "SalvadorCARD já está adotando todas as ações e providências cabíveis e, ainda ao longo do dia de hoje, este problema gradualmente estará sendo normalizado (confira comunicado abaixo).

Leia o comunicado do Setps
Informamos aos usuários de cartões SalvadorCARD que, em função de um problema operacional e pontual ocorrido no sistema hoje, alguns cartões apresentaram as mensagens de “cartão bloqueado” ou “cartão inválido” no momento da liberação da passagem no validador dos ônibus.
O SalvadorCARD já está adotando todas as ações e providências cabíveis e, ainda ao longo do dia de hoje, este problema gradualmente estará sendo normalizado, estando totalmente sanado a partir de 00:00 hora de amanhã.
Porém, solicitamos aos usuários que tiveram esta ocorrência, que compareçam a um dos nossos Postos (Lapa, Iguatemi e Comércio) para a devida correção nos cartões. No caso de Empresas clientes de Vale Transporte, estas poderão direcionar um preposto com todos os cartões dos funcionários em que o problema tenha ocorrido.
Fonte - A Tarde 03/10/2014

Nível do Cantareira cai e uso de nova cota do volume morto não está previsto

São Paulo

Volume de água do Sistema Cantareira caiu hoje de 6,6% para 6,4% da capacidade de operação e deve continuar em queda....

Marli Moreira 
Repórter da Agência Brasil .
Divulgação/Sabesp
A Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) deve entregar, na próxima segunda-feira (6), à Agência Nacional de Águas (ANA) o Plano de Operação do Reservatório do Sistema Cantareira.
O plano, que traz a estratégia prevista até o final de abril do ano que vem, foi a condição imposta pela agência para avaliar a autorização do uso da segunda cota do chamado volume morto (água que fica abaixo do nível de captação por gravidade).
O volume de água do Cantareira voltou a cair hoje (3), de 6,6% para 6,4% da capacidade de operação e deve continuar em queda, porque não há previsão de chuvas significativas para os próximos dias na região onde ficam as nascentes que alimentam os reservatórios do sistema.
Desde maio, o abastecimento das 374 cidades atendidas na região metropolitana de São Paulo e em parte do interior paulista é feito com o uso da reserva técnica. Esse recurso entrou em operação em 16 de maio, quando o volume útil tinha baixado para 8,2%.
Naquele período, houve acréscimo de 18,5% na oferta, o equivalente a 182,5 bilhões de litros. A expectativa da Sabesp agora é usar mais 106 milhões de metros cúbicos da segunda cota da reserva técnica. Segundo o secretário estadual de Saneamento e Recursos Hídricos, Mauro Arce, a primeira cota da reserva técnica do Sistema Cantareira deve se esgotar no dia 21 de novembro.
Em nota publicada em seu site, a ANA informa que, desde o dia 1º de julho, a captação de água para a região metropolitana de São Paulo está fixada em 19,7 metros cúbicos por segundo (m³/s) e que havia uma tentativa de reduzir esse teto para 18,1 m³/s , no último dia 1º e para 17,1 m³/s a partir de 1º de novembro. Como não houve acordo neste sentido com o secretário Mauro Arce, a ANA se retirou do Grupo Técnico de Assessoramento para a Gestão do Sistema Cantareira.
Fonte - Agência Brasil   03/10/2014

Cuba autoriza recebimento de carne e lácteos de 37 empresas brasileiras

Economia

Os exportadores de carne bovina têm sede nos estados do Tocantins, Mato Grosso, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, de Rondônia, Mato Grosso do Sul, Goiás e São Paulo. Os de lácteos ficam em Goiás, Minas Gerais, São Paulo, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Espírito Santo.

Mariana Branco 
Repórter da Agência Brasil
foto - ilustração
O governo cubano autorizou 37 empresas brasileiras a exportarem carne bovina e produtos lácteos para o país. Conforme o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, que divulgou hoje (2) a informação, a liberação ocorreu após inspeção de representantes de Cuba. Dos estabelecimentos liberados, 23 produzem carne bovina e industrializados e 14 produtos lácteos e leite em pó.
Segundo o ministério, antes as empresas liberadas para os dois itens somavam 48, sendo 22 de carne bovina e 26 de produtos lácteos. Agora, são 85.
Os exportadores de carne bovina têm sede nos estados do Tocantins, Mato Grosso, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, de Rondônia, Mato Grosso do Sul, Goiás e São Paulo. Os de lácteos ficam em Goiás, Minas Gerais, São Paulo, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Espírito Santo.
O ministério informou, ainda, que o governo cubano editou resolução dispensando a presença de missão cubana para inspeção de estabelecimentos de carne bovina e lácteos, o que deve tornar o procedimento de liberação mais ágil. A prática já era adotada desde o ano passado para carnes de aves e suína.
Fonte - Agência Brasil   02/10/2014

quinta-feira, 2 de outubro de 2014

Ferry Zumbi dos Palmares entra em operação na travessia

Transportes Marítimos

As embarcações gregas, adquiridas recentemente pelo Governo do Estado, passaram por testes de atracação foram liberadas pela Capitania dos Portos para a operação na tarde desta quarta. O treinamento da tripulação deve durar cerca de 120 dias.

A Tarde
Da Redação
Ferry Zumbi dos Palmares realizou a travessia
na manhã desta quinta / Edilson Lima - Ag. A TARDE
O ferryboat Zumbi dos Palmares entrou em funcionamento na manhã desta quinta-feira, 2, às 10h30. Juntamente com a embarcação Dorival Caymmi, que iniciou o transporte de passageiros entre Salvador e a Ilha de Itaparica nesta quarta, 1º, o Zumbi dos Palmares passará pela fase de operação assistida, na qual possíveis falhas podem ser detectadas e reparadas.

Embarcação Dorival Caymmi entrou em operação
nesta quarta / Joá Souza - Ag. A TARDE
As embarcações gregas, adquiridas recentemente pelo Governo do Estado, passaram por testes de atracação foram liberadas pela Capitania dos Portos para a
operação na tarde desta quarta. O treinamento da tripulação deve durar cerca de 120 dias.

Os ferries foram integrados à programação normal do serviço de travessia marítima. O primeiro a ser inserido foi o Dorival Caymmi, que realizou uma viagem de ida e volta entre o Terminal de São Joaquim, em Salvador, e o de Bom Despacho, na Ilha.
Fonte - A Tarde   02/10/2014

Pesquisadores da UFRJ começam testes em trem que flutua sobre os trilhos

MagLev COBRA



O MagLev COBRA  é o primeiro veículo no Brasil a usar a tecnologia de levitação magnética,desenvolvida com o uso de super condutores.

MagLev COBRA

ANTT inspeciona obras na Estrada de Ferro de Carajás

Ferrovias

Projeto prevê duplicação de 48 trechos do empreendimento ferroviário entre cidades de São Luís (MA) e Parauapebas (PA)

Por Portal Brasil - ANTT
foto - ilustração
Entre 22 e 26 de setembro, a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) fiscalizou as obras de duplicação da Estrada de Ferro Carajás (EFC), empreendimento sob concessão da Vale. Durante os trabalhos de inspeção, foram vistoriados pontes, viadutos e trechos de superestrutura ferroviária.
O projeto prevê a duplicação de 48 trechos do empreendimento entre São Luís (MA) e Parauapebas (PA), além de remodelação de pátios de cruzamento existentes, construção de pontes e viadutos, instalações para apoio à operação e manutenção, entre outros.
Somente este ano, a ANTT realizou cinco vistorias à EFC. A previsão é de que nova vistoria ocorra no mês de novembro. A Ferrovia é responsável pelo transporte da produção da maior reserva de minério de ferro do país, em Carajás, até o Porto de Ponta Madeira, em São Luís (MA). Segundo o projeto autorizado, por ano, a EFC transporta 150 milhões de toneladas.
A previsão é que as obras de expansão sejam concluídas no segundo semestre de 2018.
Fonte - STEFZS  02/10/2014

A nova solução em Metrô Leve - Axonis

Metrô Axonis





De acordo com dados da ANPTrilhos, cerca de 7, 7 milhões de passageiros são transportados diariamente sobre trilhos no Brasil, sem considerar aqueles que passeiam pelos trens turísticos e culturais. Com foco no potencial de crescimento deste tipo de transporte a Alstom apresentou ao mercado global recentemente uma nova solução em metrô leve, o Axonis.


Axonis

Veja Mais Aqui
O monotrilho tem um competidor

quarta-feira, 1 de outubro de 2014

Governador da Bahia entrega obras na Baixa dos Sapateiros nessa quinta-feira

Salvador

As obras integram as ações de intervenção urbana da Baixa dos Sapateiros, uma das prioridades do Plano de Reabilitação do Centro Antigo de Salvador, do Governo do Estado.

TB
foto - Sedur
O governador Jaques Wagner entrega, nessa quinta-feira (02.10), às 9h, a reforma do Quartel do 1º Grupamento de Bombeiros Militares, a requalificação da Praça dos Veteranos e a Ladeira do Cine Pax.
As obras integram as ações de intervenção urbana da Baixa dos Sapateiros, uma das prioridades do Plano de Reabilitação do Centro Antigo de Salvador, do Governo do Estado.

1º GBM
O Quartel do 1º Grupamento de Bombeiros Militares (1º GBM), situado na Praça dos Veteranos, foi o primeiro prédio erguido na Bahia com a finalidade de abrigar uma unidade do Corpo de Bombeiros.
Após investimentos de R$ 6.219 milhões do Governo do Estado, o Quartel contará com museu, academia, alojamento, refeitório, sala para ensaio da banda de música, biblioteca, academia, capela e estacionamento.
Praça dos Veteranos
A recuperação da tradicional Praça dos Veteranos e a Ladeira do Pax valorizará a paisagem urbana, ampliação do espaço público e criação de área de lazer na região do Centro Histórico de Salvador.
Foram investidos cerca de R$ 774 mil pela Diretoria do Centro Antigo, por meio da Conder, para a execução de novos passeios com acessibilidade, escadaria, iluminação pública, novo desenho de pisos, recuperação das fachadas dos imóveis da ladeira, áreas de convívio e paisagismo.
Fonte - Tribuna da Bahia  01/10/2014

DF registra formação de tornado pela primeira vez

Brasilia 

O tornado formou-se na região próxima ao aeroporto de Brasília e provocou danos no local,atingindo parte da cobertura do aeroporto de Brasília, bem como parte do toldo do seu estacionamento 

Marcelo Brandão 
Repórter da Agência Brasil 
Reprodução/Corpo de Bombeiros do DF
Uma forte chuva veio acompanhada de um tornado na tarde de hoje (1º), em Brasília. É a primeira vez que há um registro do fenômeno metereológico na capital federal. O tornado formou-se na região próxima ao aeroporto de Brasília e provocou danos no local. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) confirmou a formação do tornado e registrou ventos de 95 quilômetros por hora.
Parte da cobertura do aeroporto, bem como parte do toldo do estacionamento, foram atingidos. A Inframerica, concessionária do aeroporto, informou que está avaliando quantos automóveis foram danificados com a queda da estrutura e adiantou que os proprietários dos carros atingidos serão ressarcidos. O aeroporto ainda ficou fechado para pousos e decolagens entre as 14h26 e as 15h53.
De acordo com a meteorologista do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o tornado é considerado de escala 0, entre 0 e 5, ou seja, de baixo poder de destruição. Ela ainda explicou que o tornado estruturou-se após a formação de uma nuvem de tempestade.
“Estava um tempo bem instável, com condição de pancada de chuva, mas tivemos muito mais umidade e a temperatura subiu um pouco mais, formando uma nuvem de tempestade muito severa. Essa nuvem favoreceu a formação do tornado”, disse Márcia em entrevista à Rádio Nacional. Ela ainda explicou que é difícil prever uma nova ocorrência de tornados na região. “O que podemos dizer é que, para amanhã, há condições de pancadas de chuva, descargas elétricas, rajadas de vento, mas não podemos afirmar nada sobre tornados ainda”.
Apesar do registro de queda de árvores e danos no aeroporto, o Corpo de Bombeiros do Distrito Federal não atendeu a nenhuma ocorrência em virtude dos fortes ventos. A corporação, no entanto, divulgou um vídeo mostrando a formação do tornado. -  Link - https://www.youtube.com/watch?v=suvSeN0wU7E&feature=youtu.be
Fonte - Agência Brasil 01/10/2014

Novo Ferry Boat começa a operar na travessia de Salvador para Itaparica

Salvador/Itaparica

Com o início da operação do Dorival Caymmi e, em breve, da embarcação Zumbi dos Palmares, a capacidade de transporte de carros do sistema será dobrada e o número de passageiros ampliado em 75%.

TB
O novo "ferry-boat" Dorival Caymmi
O novo "ferry-boat" Dorival Caymmi fez sua primeira viagem nesta quarta-feira (1/10).
Na fase de operação assistida, a embarcação irá operar nos intervalos dos horários oficiais dos outros ferries.
“É uma grande notícia para a Bahia, pois quem ganha é a população que terá um serviço com mais qualidade e agilidade na travessia”, afirmou o candidato ao Senado, Otto Alencar (PSD), que lembrou ainda dos desafios enfrentados para moralizar o sistema ferry-boat.
“Tivemos disposição e coragem para fazer a intervenção na antiga concessionária, a TWB, que prestava um serviço de péssima qualidade, e posteriormente, declarar a caducidade do contrato”, destaca.


Conforto
Com o início da operação do Dorival Caymmi e, em breve, da embarcação Zumbi dos Palmares, a capacidade de transporte de carros do sistema será dobrada e o número de passageiros ampliado em 75%.
Os dois barcos têm capacidade total de 353 veículos e quase 3000 mil passageiros, além disso, fazem a travessia entre Salvador e Itaparica em 35 minutos, proporcionado mais segurança, conforto e menor tempo de espera aos passageiros.
Fonte - Tribuna da Bahia  01/10/2014

Parque São Bartolomeu será reinaugurado no próximo sábado

Salvador

A poucos dias da inauguração do Parque São Bartolomeu, no subúrbio ferroviário, moradores da região já começam a rodear o local para tentar ver de perto o que será apresentado à comunidade, oficialmente, neste sábado, 4.

Juliana Lisboa - A Tarde
Joá Souza | Ag. A TARDE 
Cachoeira tem água suja e lixo espalhado; engenheiros afirmam que local estará limpo para a inaugura
A poucos dias da inauguração do Parque São Bartolomeu, no subúrbio ferroviário, moradores da região já começam a rodear o local para tentar ver de perto o que será apresentado à comunidade, oficialmente, neste sábado, 4.
A equipe de A TARDE teve acesso ao parque e acompanhou os momentos finais da obra, que consiste em instalação de placas, peças da área infantil e limpeza - em especial a cachoeira com uma escultura de Bel Borba, cuja água poluída e mau cheiro preocupam os moradores.
"Tinham que fazer um mutirão para limpar essa cachoeira. Se o pessoal estivesse empenhado, mesmo, já estaria tudo limpo", disse Augusto Oliveira Nascimento, que vive na região há 50 anos. Ele garantiu que, quando era moço, chegou a pescar no local.
No entanto, um dos engenheiros da obra, Gabriel Costa, disse que o lixo vem do topo da cachoeira. "Como os dejetos continuam caindo, não faria sentido limparmos agora. Vamos construir uma barragem para impedir que mais lixo caia, e então faremos a limpeza até sexta-feira", explicou.

Afro
Antigo local de referência afrorreligiosa, os 75 mil hectares de área verde do parque vão passar a oferecer áreas coletivas de cultura e lazer para os moradores. Ainda em contato com a cultura africana, a praça principal do parque foi chamada Oxum.
Para requalificar o lugar, o governo estadual e a Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur) desembolsaram R$ 93 milhões. A Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Conder) foi responsável pela fiscalização das obras.
Apesar de ainda não inaugurado, moradores como Augusto Oliveira Nascimento acreditam que o parque será um sucesso. "Já está muito melhor do que estava. As praças e quadras que construíram aqui melhoraram muito nossa vida".
A revitalização do parque faz parte de um programa de requalificação do subúrbio, com construção de quadras esportivas, parques e praças e três conjuntos habitacionais nas áreas de São Bartolomeu, Pirajá e Alto dos Cabritos, atendendo 477 famílias.
Segundo dados da Sedur, até o final do projeto, o governo estadual deve gastar
R$ 126.369.012,09, e o federal, pelo programa Minha Casa, Minha Vida, deve desembolsar R$ 57.570.620,36. Segundo a Conder, a segunda parte dos conjuntos habitacionais deve ser entregue no segundo semestre de 2015.
Fonte - A Tarde  01/10/2014

Estrangeiros apostam no crescimento das ferrovias brasileiras

Ferrovias

Mercado ferroviário em ascensão atrai interesse de grandes e pequenas empresas - O interesse pelo mercado brasileiro é tamanho que a capa do principal informativo distribuído dia 26/09, na InnoTrans, estampava o acordo de cooperação assinado entre a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e a Agência Europeia de Ferrovias (ERA).

Cláudia Borges  de Berlim  - ANTF

O transporte ferroviário do Brasil está na mira dos negócios de empresários europeus. O interesse ficou evidente pela quantidade de empresários que buscaram informações a respeito do transporte sobre trilhos no Estande Brasileiro durante os quatro dias da InnoTrans. A maior feira ferroviária do mundo, realizada em Berlim, na Alemanha, reuniu neste ano, dos dias 23 a 26 de setembro, 2.691 expositores distribuídos em uma área de 161.420 m2.
O interesse pelo mercado brasileiro é tamanho que a capa do principal informativo distribuído dia 26/09, na InnoTrans, estampava o acordo de cooperação assinado entre a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e a Agência Europeia de Ferrovias (ERA).
O acordo de cooperação consiste em uma troca bilateral de experiências no campo da interoperabilidade, segurança, sinalização ferroviária e regulamentos de comunicação, o que inclui as especificações técnicas e na formulação de regras para operação. Estes dados são importantes para a operação das ferrovias de cargas previstas no Programa de Infraestrutura e Logística (PIL), lançado pelo governo federal brasileiro.
“Essas ferrovias serão construídas seguindo um novo modelo, o open acess. Portanto, para que seja feita a ligação com a malha já existente, precisaremos buscar informações para definir a melhor forma de funcionamento, além das regras de operação. Neste sentido, os europeus têm know-how, pois passaram por situação semelhante há 40 anos”, explica o diretor-geral da ANTT, Jorge Bastos. “O que queremos com essa parceria é a troca de dados, de experiências. Não significa que vamos implementar o modelo europeu”, completa Bastos.
O diretor executivo da Agência Ferroviária Europeia, Marcel Verslype, destaca que o Brasil é um mercado muito importante para os europeus. No entanto, enxerga algumas situações e problemas que os países europeus vivenciaram no passado e já encontraram soluções. “Acredito que trabalhando juntos podemos ajudar a evitarem erros que a Europa cometeu no passado”, enfatiza Verslype.
O intercâmbio de informações será feito por meio da realização de workshops com especialistas, de visitas técnicas às ferrovias europeias e suporte técnico de especialistas.
Mercado ferroviário em ascensão atrai interesse de grandes e pequenas empresas
O Brasil é a “bola” da vez no interesse de fornecedores de dezenas de empresários europeus. Empresas como Bombardier, Siemens, Deutcsh Banh, Frauscher, Getzner, SCI, BC2, Vossloh, Weather Cockpit, Ville Rail e Alstom estão entre as empresas interessadas no mercado ferroviário brasileiro, seja para ingressar, seja para ampliar as vendas no país ou o portfólio de produtos comercializados. E, os produtos e serviços oferecidos são os mais diversos, que vão de locomotivas a parafusos.
É o caso da empresa Bombardier, que possui um modelo de locomotiva voltado especificamente para as necessidades das ferrovias de carga brasileiras. Já a empresa Weather Cockpick quer inserir no mercado uma tecnologia que identifica antecipadamente os tipos de problemas que podem ocorrer nas vias férreas com as alterações abruptas de temperatura.
A SCI Verkeher Consultoria também quer conquistar um espaço entre os brasileiros. A empresa é especializada na elaboração de pesquisas sobre o potencial de mercado em todo o mundo. O consultor da empresa, Leandro G. Padovan, explica que a previsão de crescimento do transporte de cargas e passageiros no Brasil é de 4,2% de 2015 a 2018, enquanto na Europa como um todo a estimativa é de um aumento de 1,5%. “Por isso consideramos o Brasil um mercado com tanto potencial”, afirma.
O objetivo da empresa BC2 é o de ampliar sua carteira de clientes no Brasil, para onde já fornece equipamentos de segurança e de manutenção de vegetação em ferrovias. O representante da empresa, Bruno Britto, afirma, que a intenção da empresa, é o de produzir no país peças de reposição dos equipamentos para reduzir a necessidade de importações que, além de demoradas, têm o custo elevado.
Outra empresa com os olhos voltados para o Brasil é a Getzner, que pretende emplacar nas ferrovias de carga brasileiras um produto isolante de vibração que aplicado sobre os trilhos absorve impactos. A empresa já fornece o produto há 20 anos para o Metrô-SP.

Pavilhão Brasileiro na InnoTrans
Pela terceira vez as empresas brasileiras puderam participar de forma compartilhada do Estande Brasileiro, um espaço de 120m2, viabilizado com o apoio do Ministério das Relações Exteriores, da Associação Nacional dos Transportadores Ferroviários (ANTF), Associação Nacional dos Transportadores sobre Trilhos (ANPTRilhos), Associação da Indústria Ferroviária (ABIFER), do Sindicato Interestadual da Indústria de Materiais e Equipamentos Ferroviários e Rodoviários(SIMEFRE) e da Associação dos Engenheiros e Arquitetos de Metrô (AEAMESP).
Neste ano 21 empresas participaram do Estande Brasileiro: Brastan, Cavan, Compren, Wegis Wega, Grupo Agis, Hidremec, Hubner, Indra, Maba Ecoline, Metisa, MWL, Odebrecht Transport, Retesp, Riosulense, Stucky do Brasil, Sysfer, Thales e Urbaniza.
“Esta foi a quinta vez que a CKZ Eventos organiza o Projeto Brazil on Rails: três na InnoTrans, e duas na Rail Interchange, nos Estados Unidos (EUA). Esse projeto é fundamental para que os empresários brasileiros consigam expor seu produtos e serviços no exterior a custos reduzidos”, destaca a diretora executiva da CKZ, Cristina Kerr.
Fonte - STEFZS  01/10/2014

Entrada de dólares em setembro supera saída em US$ 3,5 bilhões

Economia

A maior parte do saldo positivo é do fluxo financeiro (investimentos em títulos, remessas de lucros, dividendos ao exterior e investimentos estrangeiros diretos, entre outras operações), com US$ 2,601 bilhões.

Kelly Oliveira 
Repórter da Agência Brasil
foto - ilustração
O saldo de entrada e saída de dólares (fluxo cambial) até 26 de setembro ficou positivo em US$ 3,561 bilhões, conforme dados divulgados hoje (1º) pelo Banco Central (BC).
A maior parte do saldo positivo é do fluxo financeiro (investimentos em títulos, remessas de lucros, dividendos ao exterior e investimentos estrangeiros diretos, entre outras operações), com US$ 2,601 bilhões.
O fluxo comercial (operações de câmbio relacionadas a exportações e importações) fechou positivo em US$ 960 milhões.
De janeiro a 26 de setembro, o fluxo cambial também fechou positivo em US$ 2,860 bilhões. Nesse período, o fluxo financeiro ficou negativo em US$ 566 milhões e o comercial positivo em US$ 3,426 bilhões.
Fonte - Agência Brasil  01/09/2014

Um "balde de água fria" no debate da TV Bahia

Eleições

Será que não temos aqui em Salvador bons jornalista,capazes, competentes, com mais ânimo e disposição para apresentar e mediar um debate politico que ao invés de provocar interesse do público provocou sono???...... 

Da redação
foto - ilustração
Por um dever de ofício (como sempre para conhecer e avaliar as propostas de todos os candidatos),assisti  ontem a noite (30) a mais um debate entre os candidatos ao cargo de Governador do Estado, dessa vez realizado pela TV Bahia emissora afiliada da Globo em Salvador.Nada de muito novo,o mesmo de sempre,de um lado alguns candidatos mais enérgicos e atuantes se esforçando para dar um tom mais vibrante ao debate,sempre provocando os seus oponentes com cobranças,as vezes cutucadas mais duras,questionamentos diversos e até apresentando suas propostas de governo,do outro lado uns outros,e nem será preciso nomina-los,sempre mornos quase frios,repetitivos,cansativos,inconsistentes e com memória curta,com a mesma lenga lenga de sempre,rodavam rodavam e sempre paravam no mesmo lugar. Mais não é esse o nosso propósito aqui nessa matéria,julgar ou avaliar a atuação e o comportamento dos debatedores,hoje mudamos o foco..
O que mais nos chamou a atenção,e talvez tenha passado despercebido pelo público que acompanhou o debate,realmente foi a "pobreza da produção" do referido programa político realizado pela emissora local,muito abaixo da critica, e dos já realizados pelas suas concorrentes.
A ausência de jornalistas convidados para participar e arguir os debatedores de maneira imparcial e democrática,somada a uma aparente falta de interesse pelo mediador escolhido e importado diretamente da bancada do Jornal da Globo, transformou o debate em um autêntico suco de "jambo" sem açúcar (pra quem não sabe "jambo" é aquela fruta que da o ano inteiro e não tem gosto de nada).Antes porém uma pergunta....será que nos quadros do jornalismo da emissora local não teria alguém mais interessante com capacidade e competência suficiente para exercer tal função com um pouco mais de ânimo e dinamismo???...Foi de dar sono....era visível e aparente o desânimo do mediador,comportando-se de maneira quase que indolente e quebrando quase sempre a dinâmica e a evolução do debate,parecia deixar transparecer um certo desinteresse e o seu desconforto com o que ali estava acontecendo,como se estivesse ele ali a contra gosto,e apenas cumprindo friamente uma obrigação,a qual pelo visto julgava não ter muita importância.Para que fique bem claro não cobramos aqui nenhum tipo ação inquisitória e ante democrática seja contra quem for,o que alias tem ocorrido costumeiramente em eventos dessa natureza,sempre mirando suas baterias preferencialmente em uma única direção no intuito de desossar um alvo previamente determinado e selecionado,a critica é unica e simplesmente voltada ao comportamento do mesmo durante a condução do referido debate,de maneira desinteressada e apática.
Talvez quem sabe qual foi a real motivo,será que esfriar o confronto constaria da pauta?... ou pelo fato de ter sido escolhido para mediar um debate em Salvador na Bahia?...e não em outra praça do seu agrado e preferência,tendo vindo apenas por força do seu ofício?...A sua participação foi pífia,opaca e fria,com uma aparente manimolência para conduzir o debate e até mesmo muito econômico no falar.Claro que os atores principais em um programa como este sempre serão os debatedores,mais o mediador nesse caso agiu como um autêntico freezer.No ar ficou a impressão de uma aparente desconsideração para com os participantes do programa e os telespectadores que se prestaram a assistir o debate até lá pras tantas,apresentado pelo mediador importado ontem a noite em Salvador.
O ancora do JG o Sr. William Waack, jogou "um balde de água fria no debate da TV Bahia.
Pregopontocom  01/10/2014 -  atualizado as 16:52h

Monotrilho de Poços de Caldas em MG pode ser demolido

Monotrilho

“Enfeite”. Com apenas oito dos 30 quilômetros do projeto inicial, trem teve pane na viagem de estreia e, desde então, está parado - Idealizado em 1981, primeiro sistema do tipo no país nunca chegou a funcionar de fato

iG Minas Gerais
Divulgacao / Jornal da Cidade 
A obra inacabada do monotrilho de Poços de Caldas, no Sul de Minas, pode nunca cumprir o papel de servir como transporte coletivo para os moradores. Enquanto o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) tenta reativar o sistema, a prefeitura do município estuda demolir a estrutura se ela representar algum perigo para a população. Em 2003, dois pilares da estrutura desabaram “Estamos buscando fazer um laudo. Caso ele mostre que há riscos, tomaremos medidas jurídicas para a demolição”, informou o secretário municipal de Governo, Fernando Posso. Visionária para a época, a construção do monotrilho foi aprovada em 1981. Menos de 8 km dos 30 km previstos foram entregues em 2000. Porém, na viagem de inauguração, uma pane técnica interrompeu a estreia. Em 2003, dois pilares de aproximadamente 6 m de altura desabaram, dificultando que o monotrilho funcionasse a pleno vapor. “O laudo da perícia aponta que a prefeitura é a culpada pela queda dos pilares por causa de obras de desassoreamento do rio Lambari”, informou o promotor Emmanuel Levenhagen. Já o secretário de Governo disse que a queda aconteceu há mais de dez anos e que esse não é o motivo das obras estarem paradas até hoje. A empresa J. Ferreira Ltda. construiu o monotrilho e tem a concessão para operá-lo por 50 anos. A reportagem tentou contato com os proprietários, mas ninguém foi encontrado nos telefones da empresa. No escritório do advogado da companhia, José Cardilho, a reportagem foi informada que ele estava viajando. Mediação. A promotoria pretende propor um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) entre a prefeitura e empresa. Segundo Levenhagen, a ideia é permitir que a empresa coloque o monotrilho para funcionar em parte do trajeto já construído. Isso vai possibilitar um estudo de viabilidade do projeto. Depois da experiência e caso o sistema se mostre viável, um acordo definitivo poderá ser feito. A prefeitura se dispôs a conversar com os promotores.
Fonte - O Tempo 01/10/2014

terça-feira, 30 de setembro de 2014

Governo da Ba. pré-qualifica empresas para execução das obras do VLT em Salvador

Mobilidade

O chefe de gabinete da Secretaria Estadual da Casa Civil, Bruno Dauster, explicou que o VLT substituirá o atual trem do subúrbio, trazendo uma opção de transporte de massa mais moderno para a população. “Vamos garantir aos soteropolitanos uma circulação com mais segurança, rapidez, conforto e confiabilidade

Secom 
 railwaygazette
Inserido no conjunto de ações de melhorias da mobilidade urbana em Salvador, o edital de pré-qualificação para as empresas interessadas em executar as obras de implantação de Veículo Leve sobre Trilhos (VLT), no trecho Comércio - São Luiz (Paripe) foi publicado na edição desta terça-feira (30) do Dário Oficial do Estado.
Este processo antecede a licitação, que será realizada em Regime Diferenciado de Contratação Integrada (RDC). Na etapa de pré-qualificação, as empresas interessadas apresentam documentos que comprovem sua capacidade de executar as obras. Esse material será avaliado e as companhias consideradas aptas participarão de concorrência, vencendo aquela que apresentar proposta de menor preço.
railwaygazette
O chefe de gabinete da Secretaria Estadual da Casa Civil, Bruno Dauster, explicou que o VLT substituirá o atual trem do subúrbio, trazendo uma opção de transporte de massa mais moderno para a população. “Vamos garantir aos soteropolitanos uma circulação com mais segurança, rapidez, conforto e confiabilidade. Futuramente, o VLT ainda será integrado a outros meios de transporte, como o BRT e o metrô, com um bilhete único, facilitando ainda mais a vida de quem mora em Salvador”.
O investimento previsto para o trecho Comércio - São Luiz, incluindo o material rodante, é de aproximadamente R$1 bilhão. O VLT do subúrbio possuirá cerca de 18,5 quilômetros de extensão e, quando estiver totalmente implantado, deverá transportar 100 mil passageiros por dia. A previsão é de que as obras comecem a ser executadas no início de 2015, com prazo de conclusão de até 24 meses.
Fonte - Secom Bahia 30/09/2014

OAB-DF impugna pedido de registro para Joaquim Barbosa advogar

Brasilia

Ibaneis Rocha,Presdente da OAB/DF,afirma que o pedido não pode ser aceito porque “não atende aos ditames do Artigo 8º da Lei nº 8.906/94 (Estatuto da Advocacia e OAB), notadamente a seu inciso VI”. Segundo o texto, para inscrever-se como advogado é preciso ter idoneidade moral. A reativação do registro de Barbosa ainda vai passar por uma comissão da OAB-DF.

André Richter
Repórter da Agência Brasil
foto - ilustração
O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil no Distrito Federal (OAB-DF), Ibaneis Rocha, impugnou o pedido do ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa para reativar seu registro para exercer a advocacia, após se aposentar da Corte, em julho. A solicitação foi feita no dia 19 de setembro.
Rocha afirma que o pedido não pode ser aceito porque “não atende aos ditames do Artigo 8º da Lei nº 8.906/94 (Estatuto da Advocacia e OAB), notadamente a seu inciso VI”. Segundo o texto, para inscrever-se como advogado é preciso ter idoneidade moral. A reativação do registro de Barbosa ainda vai passar por uma comissão da OAB-DF.
Para justificar o pedido de impugnação, o presidente cita fatos ocorridos durante o período em que Barbosa presidiu o Supremo e o Conselho Nacional de Justiça (CNJ), entre 2012 e junho deste ano.
Em junho, o ex-presidente do STF mandou seguranças da Corte retirarem Luiz Fernando Pacheco, advogado do ex-deputado José Genoino, do plenário. Em março, Barbosa afirmou que há “conluio entre juízes e advogados”, durante o julgamento de um processo disciplinar no Conselho Nacional de Justiça (CNJ) contra um juiz do Piauí, acusado de favorecer advogados em suas decisões.
Em maio, em outra sessão do CNJ que discutiu a mudança no horário de atendimento de advogados no Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP), o ex-ministro disse que advogados acordam as "lá pelas 11h da manhã". No ano passado, Barbosa afirmou que a proposta do ex-ministro da Casa Civil, José Dirceu, condenado no processo do mensalão, para trabalhar em um escritório de advocacia era “um arranjo entre amigos”.
Fonte - Agência Brasil  30/09/2014

Banda Larga - Sociedade cobra ampliação do acesso à internet

Cidadania

A campanha “Banda larga é um direito seu” defende que o serviço seja prestado em regime público, com metas de universalização - Assim, todos poderiam ter acesso ao serviço básico, independentemente da condição econômica ou do local em que esteja.

Helena Martins 
Repórter da Agência Brasil 
Marcello Casal Jr/Agência Brasil
O acesso à internet em alta velocidade deve ser considerado pelo Estado um serviço essencial, na avaliação de entidades da sociedade civil. A campanha “Banda larga é um direito seu” defende que o serviço seja prestado em regime público e, portanto, com metas de universalização. Assim, todos poderiam ter acesso ao serviço básico, independentemente da condição econômica ou do local em que esteja.
De acordo a pesquisa TIC Domicílios 2013, enquanto 48% das residências urbanas têm acesso à internet, na zona rural, esse percentual fica em apenas 15%. A desigualdade é também regional. Percentualmente, 51% dos lares da Região Sul estão conectados, enquanto na Região Norte são apenas 26%. Os dados consideram 62,8 milhões de domicílios pesquisados, entre setembro de 2013 e fevereiro de 2014.
“Nós temos uma dívida com a área rural em relação ao acesso a serviços de telecomunicações. Embora tenha havido o leilão dos 450 mega-hertz (MHz), em 2012, [quando foram estabelecidas metas para atendimento individual da área rural], ele está longe de liquidar essa dívida. Inclusive, ele a reproduz, principalmente nas metas ligadas à banda larga”, afirma a advogada do Instituto de Defesa do Consumir (Idec) Veridiana Alimonti.
Ficou estabelecido que, até dezembro de 2015, as áreas localizadas em um raio de 30 quilômetros (km) dos limites da sede do município deverão ter conexão de 256 Kbps, com 250 megabytes (MB) de franquia de dados.
No documento da campanha, que propõe medidas para a universalização do acesso, a sociedade civil aponta que “garantir o direito ao acesso e uso da banda larga só será possível através de agressivas políticas públicas pró-ativas que tenham em seu cerne a oferta dessa infraestrutura em regime público”.
Além disso, enumera propostas para evitar que o mercado seja concentrado por grandes empresas. Isso porque, além de diminuir a oferta para os consumidores, que podem ter que depender de um mesmo grupo para acessar TV paga, telefonia e internet, “corre-se o risco de se aprofundar a concentração do setor, gerando sérias desvantagens a empresas menores focadas em apenas um ou dois serviços”.
Presidente da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), João Rezende afirma que a universalização exige políticas integradas, além de mudanças legais que teriam que passar pelo Congresso Nacional, o que dificultaria a implementação da proposta. Na avaliação dele, também poderia afastar investidores, já que seria necessário controlar as tarifas e impor outras metas.
O presidente da agência reguladora acredita que a ampliação do acesso se dará por meio do celular com tecnologia de terceira ou, em menor percentual enquanto a tecnologia não é massificada, de quarta geração. Rezende aponta a necessidade de políticas complementares, como incentivos para que as empresas levem banda larga para lugares sem grande demanda comercial, diminuição de impostos, investimento público e mapeamento das necessidades de cada região.
“Quem é que vai levar internet para a fronteira do Brasil com a Venezuela, para 30 ou 40 famílias? Esse é um desafio enorme do Brasil”, avalia, acrescentando que ações como a garantia de internet em escolas é o exemplo de uma política que objetiva garantir acesso tanto para a zona urbana quanto a rural.
Na visão do governo, a internet ganhou “um patamar de essencialidade”, admite o diretor de Banda Larga do Ministério das Comunicações, Artur Coimbra. Ele compreende que “uma cidade em que não existe uma capacidade muito grande de acesso à internet, implica dizer que aqueles cidadãos estão alijados do processo de desenvolvimento, do processo de oportunidades econômicas, de oportunidades de aprendizado, enfim, de uma série de acesso a serviços públicos e privados que hoje são prestados por meio da internet”.
Ele aponta o Programa Nacional de Banda Larga (PNBL), criado em 2010, como principal política para massificar a internet, no país, especialmente em áreas que sofriam com o déficit tecnológico.
De acordo com o Ministério das Comunicações, várias ações compõem o PNBL, entre elas, a desoneração de redes e terminais de acesso; a expansão da rede pública de fibra ótica, administrada pela Telebras, empresa que foi reativada no processo de implementação do PNBL e que tem sido responsável por ofertar internet em algumas cidades; a desoneração de equipamentos, como smartphones e tablets, e oferta de banda larga com internet de 1 Mbps ao valor de R$ 35 mensais, com impostos.
Perguntado sobre a existência de políticas para a universalização da banda larga, ele afirma que isso demandaria mais recursos e outras estratégias, mas defende que o PNBL e outras políticas, como a instituição de mecanismos para incentivar financeiramente a expansão da banda larga fixa, via Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), caminham nesse sentido.
“Hoje, o Programa Nacional de Banda Larga, e desde que foi lançado, atacou um viés muito nítido, que é o viés da redução de preço. Quando a gente compara o preço da banda larga no Brasil de 2010, quando foi lançado o PNBL, até hoje, houve uma redução média de 50% do preço”, afirma Coimbra, que acrescenta que mais de 4,6 mil municípios já são atendidos pelo programa. A meta do governo é chegar a todos os municípios no próximo ano.

Garantia de direitos
As entidades consideram, no entanto, que tanto as metas estabelecidas no leilão dos 450 MHz quanto as oferecidas pelo PNBL não respondem às demandas atuais. Isso porque, na avaliação da sociedade civil, toda a população precisa ter acesso de qualidade à rede para que possa produzir, veicular, baixar informações em texto, áudio, vídeo etc.
“Nós precisamos ter uma infraestrutura compatível com as necessidades econômicas e culturais do país. Uma infraestrutura de conectividade das coisas, das cidades, das escolas, dos pontos de entretenimento”, afirma o integrante do Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br), Sérgio Amadeu.
Para o próximo ano, a expectativa é que o Marco Civil da Internet seja regulamentado. Aprovado neste ano, a norma, que ficou conhecida como Constituição da Internet, “estabelece princípios, garantias, direitos e deveres para o uso da internet no Brasil e determina as diretrizes para atuação da União, dos estados, do Distrito Federal e dos municípios”.
Elogiada por estabelecer como fundamento para o uso da internet o respeito à liberdade de expressão, o direito de acesso e informação, e garantir a neutralidade de rede, que impede a diferenciação dos conteúdos que trafegam pela rede mundial de computadores, a norma ainda precisa ser detalhada para que as exceções à neutralidade sejam estabelecidas e para que sejam fixados métodos para a guarda e a disponibilização dos registros de acesso às aplicações na internet.
Para Sérgio Amadeu, ainda há dúvidas em relação à forma que a Justiça vai atuar e encarar o marco civil, se a favor do mercado ou da proteção do direito à privacidade, por exemplo. Para ele, “é preciso garantir que a comunicação seja pensada do ponto de vista da cidadania”.
Fonte - Agência Brasil    30/09/2014